entrar          esqueci minha senha
  Usuário/email:
  Senha:
        

O Lento Alento
4 comentário(s):
Leonora:
Parabens, não só ao poeta, mas tb ao Rogério pela resenha sucinta e certeira!
Que se trata de uma poesia enxuta, sensível e envolvente é um mínimo que, de cara, se percebe ao ler os poemas do Altair! Percebemos ainda tratar-se de um trabalho honesto, burilado e com marca própria. É sempre um delícia ler os poemas, não só deste O Lento Alento, mas também dos outros livros desse autor!

Uma abraço grande aos dois, Altair e Rogério!

sábado, dezembro 12, 2009 11:43
Camila de Oliveira:
Conheci o poeta Altair faz pouco tempo, mas percebi que sua poesia e feita com verdade.Posso senti em cada linha a sua dedicação e o amor que ele tem com a poesia.
Fico feliz de saber que o nosso país apesar de tantos problemas tem um poeta que enriquece e estimula a leitura.
Parabéns!
Muita saúde, paz e felicidades.
E que 2010 seja repleto de poesia!!!!!!!!!!!!!

sábado, dezembro 12, 2009 11:02
marlêda :
Já li e reli seus livros e "O lento Alento" é mesmo a comprovação do dom de poetar deste Poeta. Altair sua poesia brilha e encanta.
Parabéns Altair! Sucesso!!!
sábado, dezembro 12, 2009 08:35
Idalina de Carvalho:
A crítica do Rogério Salgado define tão bem a poesia do Altair, que é quase impossível não ter vontade de ler o livro inteiro.
Parabéns, Altair, pelo novo livro.
Que satisfação reencontrá-lo por aqui, Rogério, grande amigo de longa data.
www.idalinadecarvalho.xpg.com.br
idalinadecarvalho@hotmail.com

sábado, dezembro 12, 2009 12:24
Copyright 2005-2017 UniBlog.com.br