entrar          esqueci minha senha
  Usuário/email:
  Senha:
        

Dia MuNDiaL Do Meio AMBieNTe
3 comentário(s):
Wilson:
Mar... gostei dessa: "o nasce reto pode morrer torto". Maravilha de percepção. Parece ser esse o nosso caso. Realmente, Mar, as pessoas não estão nem aí: de um lado, apatia; de outro, o silêncio, ambas atitudes refletindo indiferença, descaso e covardia. Quero morrer com essa falta de ideologia que alguém já quis ter uma pra viver... Sim...de certo modo, suas angústias são as minhas também, mas eu continuo acreditando que algo novo pode acontecer, afinal, sou humano e necessito de ilusões...
A cara no uniblog. Bem, minha cara ficou lá um tempão. Quando achei que os gatos e gatas pingados que pintam por lá já estavam saturados da minha fuça, retirei ela e coloquei a capa do meu livro (o mundo tá prestes a acabar, amiga, mas eu ainda tenho um estômago que ronca umas três vezes ao dia....rs). Porém, vou retornar minha cara para lá, em sinal de solidariedade à sua inimizade com o uniblog. A qualquer hora, apareço....
Ah... vou ver seu outro blog.
Tchau...
Wilson
PS.: Aqui em Goiânia o clima tá uma loucura: frio quando não se espera; calor quando tem de estar frio... não é a natureza que está maluca: nós é que estamos cavando nosso próprio inferno.
quarta, julho 26, 2006 07:14
Mona***:
Minha cidade é conhecida pelos prédios e pelo enorme rio negro que corta ela no meio. Que jeito triste de ser conhecida, né?!
Encontro com o Rio Tietê quase todos os dias, qndo passo de carro pela sua Marginal. Já fazem anos que o governo vem retirando lixo dele e parece que nunca vai parar de sair. Ao passar pela Marginal Tietê o cheiro de esgoto é tão forte que chega a ser insuportavel e os carros tem até que fechar seus vidros... Que absurdo! Grande coisa ganhamos com o tal do progresso!
Pra mim essa história de dia do meio-ambiente é tão engraçada quanto a do dia das mães...
Se todos os dias fossem considerados importantes para o meio-ambiente e suas preservação, e se sempre os assuntos pertinentes a ele fossem debatidos, tratados e colocados em prática, quem sabe o grandioso Rio Tietê, hoje seria bem mais que um esgoto a céu aberto...
Abraços!
terça, julho 18, 2006 10:50
Paulo do Porto:
Construções faraonicas? Sim, neste caso eu falo em "desconstruções" como a amazónia, rios poluídos, e lixo a céu aberto. Desconstruímos o bom e construímos o mau.
terça, junho 06, 2006 09:10

Neste blog só podem comentar usuários membros.

Clique aqui para fazer login.

Copyright 2005-2017 UniBlog.com.br