calvariano
ARCEBISPO ALEMÃO INOCENTADO EM TRIBUNAL
Presidente do episcopado alemão inocentado de acobertar pedofiliaMuitos jornais publicaram a acusação, poucos, a decisão da Justiça
MUNIQUE, sexta-feira, 24 de julho de 2010 (ZENIT.org) – O arcebispo de Friburgo, Dom Robert Zollitsch, presidente da Conferência Episcopal Alemã, não foi cúmplice do sacerdote que nos anos sessenta teria abusado sexualmente de um menor de idade, segundo o Tribunal de Constanza, que pediu o arquivamento do caso.

As investigações indicaram que Dom Zollitsch não encobriu ou favoreceu o religioso cisterciense do mosteiro de Birnau, hoje com 69 anos, acusado de abusos contra um coroinha nos anos sessenta.

A acusação tinha sido publicada por grande parte dos meios de informação do mundo nos primeiros dias de junho. Poucos, no entanto, deram agora a notícia de sua inocência por parte da justiça.

Segundo a suposta vítima dos abusos, Dom Zollitsch, que naquela época era responsável pelos funcionários da arquidiocese, tivera conhecimento dos abusos, supostamente perpetrados entre 1987 e 1992 e, no entanto, teria confirmado em seu cargo o religioso cisterciense, convertendo-se em cúmplice.

As investigações, no entanto, estabeleceram que nesse período de tempo o hoje arcebispo não tinha conhecimento dos abusos e, portanto, não se lhe podem atribuir responsabilidades.

COMENTANDO: Essa é a típica notícia que grande parte da imprensa dita imparcial, mas, na prática, tendenciosa, não publica, ou se publica o faz de modo tão sem significado que o leitor quase sempre nem se dá conta. Dois pesos, duas medidas...

postado por 30890 em 02:02:06 :

CRIAR BLOG GRATIS   
..