VIVENDO INTENSAMENTE
VIVENDO INTENSAMENTE

segunda, 08 janeiro, 2007
Sexo é escolha amor é sorte.

Costumo dizer que não é difícil gostar de alguém, difícil é fazer isso crescer e continuar existindo.

Num relacionamento amoroso, você percebe que depois que a paixão passa, sobra o outro exatamente como ele é, com todos aqueles defeitinhos e imperfeições que a paixão tem a incrível capacidade de ocultar. E nesse momento que você olha  e diz agora somos eu e você com todo isso ai que eu não via, o que faremos?

Já vi muitos relacionamentos terminarem nesse momento. Ás vezes é complicado , olhar para o outro e perceber que ele tem uma estranha mania de ficar horas arrumando o cabelo, que gasta mais dinheiro com produtos de beleza que você, ou que te troca todo sábado a tarde por um bando de amigos loucos pra beber e falar besteira no buteco mais próximo, ou quando ele diz “menas” ao invés de menos (argh!).

E de repente: PUFT! O príncipe (leia-se princesa também) vira sapo, pois é meu amigo se fosse com você o que seria?  Corta o mal pela raiz ou deixa ele crescer?

Bom eu como boa samaritana sempre dei uma chance, por afinal de contas eu tenho um monte de imperfeiçõezinhas, quem não tem teto de vidro que atire a primeira pedra né?

A melhor parte é que depois da paixão vem o amor, ah o amor!

Acordar de madruga e ver o seu amor dormindo do seu lado, ganhar um sorriso no fim de um estressante dia de trabalho, passar o domingo fazendo nada ao lado dele, ganhar um cafuné enquanto vê aquele filme numa noite fria embaixo do cobertor.

Não vou negar que tive a fase em quem eu escolhia com quem eu saia, e quando atendia ou não o telefone, mas cá entre nós, tô muito melhor agora.

Tive a sorte de encontrar um amor, a gente sempre quer que seja pra vida toda né, mas se não for que seja eterno enquanto durar, não lembro direito como aconteceu, mas é magnífico. Entre defeitos, crises, pequenas desavenças, percebemos que a gente sempre se aceita e mesmo não gostando muito deixa o outro ser o que for afinal o que seria da beleza da rosa se não fossem os espinhos.

Os dias passam e entre erros e acertos haverá sempre um dia seguinte para recomeçar.



postado por 38849 as 05:52:00
0 comentários:

Comente este post
Início
Perfil
38849
Meu Perfil

Meus Links
>> Blog Grátis
Criar Blog
Manta Absorvente de Óleo
Hoteis

Palavras-Chave
>> escolha

Favoritos
There is a light that never goes out.
Universo Paralelo
VIVENDO INTENSAMENTE
orquidea
°°°Wany§am°°°
mais...

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
>> Aniversário – parte 2 – A festa.
>> Aniversário - parte 1
>> Reecontro
>> Everything - o clipe
>> Everything
>> Eu não vim até aqui pra desitir agora..
>> Escrevi, mas não mandei..
>> Depressão: Ato invontário de ficar triste
>> Ano do Macaco
>> É tão estranho, os bons morrem jovens

Arquivos
02/01/2007
01/01/2007
12/01/2006
11/01/2006
10/01/2006

5529 acessos
CRIAR BLOG GRATIS   
..