Diário de uma FIV
Diário de uma FIV

terça, 04 março, 2008
A ARANHA

Querida Fernanda,

Hoje está sendo mais um dia muito triste pra nós. Eu estava muito confiante que teríamos uma boa nova. O que posso te falar? Nada do que eu disser vai amenizar a sua tristeza e decepção. Se sentir vontade de chorar, chore. Não represe suas lágrimas. São elas que vão lavar a sua tristeza.

Se sentir vontade de se recolher, aconchegue-se na sua conchinha. Este será o seu porto seguro que te fará reunir forças novamente.

O dia de hoje pode estar muito chuvoso, com nuvens negras e carregadas, mas lembre-se, que o Sol está lá no mesmo lugar, brilhando por trás da tempestade.

E amanhã ele nascerá resplandecente em sua vida!

Encontrei uma parábola enviada pela nossa amiga Darlene, mãezinha da Ana Laura.

Espero que seja uma fonte de entendimento pra você, da mesma forma que foi pra mim!

Um beijo carinhoso e que Deus te dê a força necessária pra continuar.

Você vai conseguir! Todas nós vamos! Força e coragem querida amiga!

Alice M.

 

A Aranha

Uma vez um homem estava sendo perseguido por vários malfeitores que queriam matá-lo.

O homem, correndo, virou em um atalho que saía da estrada e entrava pelo meio do mato e, no desespero, elevou uma oração a Deus da seguinte maneira:

- Deus Todo Poderoso fazei com que dois anjos venham do céu e tapem a entrada da trilha para que os bandidos não me matem!!!

Nesse momento escutou que os homens se aproximavam da trilha onde ele se

escondia e viu que na entrada da trilha apareceu uma minúscula aranha.

A aranha começou a tecer uma teia na entrada da trilha.

O homem se pôs a fazer outra oração, cada vez mais angustiado:

- Senhor, eu vos pedi anjos, não uma aranha.

- Senhor, por favor, com Tua mão poderosa coloca um muro forte na entrada desta trilha, para que os homens não possam entrar e me matar...

Então ele abriu os olhos esperando ver um muro tapando a entrada e viu apenas a aranha tecendo a teia.

Os malfeitores estavam entrando na trilha, na qual ele se encontrava, e ele estava esperando apenas a morte.

Quando passaram em frente da trilha o homem escutou:

- Vamos, entremos nesta trilha.

- Não, não está vendo que tem até teia de aranha?

Nada entrou por aqui.  Continuemos procurando nas próximas trilhas.

Fé é crer no que não se vê, é perseverar diante do impossível.

Às vezes pedimos muros para estarmos seguros.

Mas Deus pede que tenhamos confiança NELE para deixar que Sua Glória se manifeste e faça algo como uma teia, que nos dá a mesma proteção de uma muralha.

Nunca desanime em meio às lutas, siga em frente, pois Deus disse: “diga ao fraco que Eu sou forte”.

São nos momentos mais difíceis que encontramos em Deus a nossa força!



postado por 48208 as 01:40:19 90 comentários




quinta, 28 fevereiro, 2008
Exercício para a Maternidade.

Olá meninas,

Primeiramente quero dar as boas-vindas à Teresa. Se achegue amiga, junte-se a nós e sinta-se à vontade!

Estamos todas juntas, unidas pelo mesmo sonho. Porém, aos poucos você vai descobrir que essa união vai muito além do nosso sonho em comum. Criamos aqui fortes laços de amizade e todas vibramos muito com a vitória umas das outras.

Também partilhamos a tristeza dos resultados negativos. Porém somos todas guerreiras, e no dia seguinte já estamos de pé, erguidas rapidamente pelas mãos amigas que se estendem e sobretudo pelas orações recebidas. Esteja certa que seja qual for a situação, você não passará por ela sozinha.

Margarete e Sofia! Que Deus abençoe seus bbzinhos e dê a eles o sopro da vida!

Re amiga! Está chegando a hora! Estaremos todas em oração as 15 hs de amanhã por você. Que Deus abençoe os filhos que você irá receber em seu ventre e que dê a eles vida em abundância.

Fernandinha querida, o nosso dia está se aproximando! Deus já tem a resposta pra nós. Vamos aguardar Nele, confiantes que será a mesma que esperamos receber.

Amigas, escrevi o post de hoje me inspirando em dois encontros muito especiais. Ambos foram no MSN, um com a Ana Karina, dias antes da minha TEC e o outro, com a Glenda, dias depois.

Ambas me ensinaram a praticar esse exercício que está me ajudando demais! E eu tenho certeza que vai ajudar a todas que, assim como eu, ainda não o conheciam.

Essas duas mamães são muito especiais! Vocês já viram a sorte que tem os bebezinhos delas!!!

Muitos beijos pra todas vocês, irmãs do coração e que Deus continue nos abençoando muito!

Alice M.

Exercício para a maternidade

Feche seus olhos e respire bem fundo! Inspire o ar pelo nariz.

Expire soltando todo o ar pela boca.

Respire novamente, imaginando que está inspirando luz!

E quando expirar visualize que está expirando fumaça negra.

A luz que você está inspirando vai queimando todos os seus medos, angústias, dúvidas e sentimentos negativos, transformando-os em fumaça.

Essa luz vai tomando conta do seu interior, inundando cada célula, cada vaso sanguíneo, cada músculo, cada osso, cada órgão, cada neurônio.

Você é pura luz!

Nesse momento visualize o seu filho dentro da sua barriga, bem no fundo do seu útero.

Veja que ele chegou ali com apenas algumas células. Está vendo as células?  Elas estão começando a se multiplicar!

Em seguida vá evoluindo seu pensamento.

Pense na sua barriguinha crescendo aos poucos, bem devagar...

Imagine a luz que vem lá de dentro seu útero! Uma luz bem forte, muito intensa!

Com os olhos fechados, e respirando calmamente imagine sua barriga cada dia maior.

Você se preparando... dia a dia, mês a mês.

E finalmente seu bebê em suas mãos!

Aconchegado em seu peito... Em seu seio! Você o amamentando...

Olhando pro rostinho lindo e perfeito dele.

Acaricie o seu filho...

Sinta o seu cheiro, o seu perfume, sua pele!

Pegue na mãozinha dele, tão pequenina e tão perfeitinha !!!

Abrace o seu bebê agora e agradeça a DEUS porque ele já é seu...Faça isso sempre! Todos os dias!

Acalma teu coração, conforta teu espírito e aumenta a tua fé!

Mentalize o seu bebê em seus braços, porque isso amiga, é uma promessa de Deus e se cumprirá. Aproprie-se dessa promessa e não se sinta ansiosa em momento algum.

Se isso acontecer respire LUZ e mentalize o seu bebê, desde a sua concepção.

Esteja em comunhão com DEUS diariamente! Aguarde no Senhor com alegria até chegar o dia da sua vitória. Creia! Esse dia chegará!

“Falou-lhes, pois, Jesus outra vez, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida.” (João, 8-12)



postado por 48208 as 05:07:40 188 comentários




terça, 26 fevereiro, 2008
Super-Mãe!

O sol brilhou…

As nuvens negras se dissiparam.

O sol brilha diferente para uma nova barrigudinha.

E que barrigudinha serelepe!

Precisou de bronca para dar uma acalmada nos ânimos e segurar a sua bênção!

Mais um anjinho deixou o céu e está a iluminar a vida de um casal.

Talvez ele venha acompanhado...

Vai saber...

Doeu a espera, apertou o coração, mas valeu a pena:

Mais uma mamãe feliz e dedicada no mundo!

Deus resolveu preparar um grupo de super-mães.

E a preparação é difícil...

Tem muitas etapas e só as realmente “turbinadas” vão conseguir...

Por que, para aguentar o “tranco”, precisa ser muito...muito forte!

Deus andou assistindo muitos treinamentos militares...

E criou um baseado neles.

Um treinamento para que anjinhos especiais tenham super-mães e super-famílias.

Algo que transforma pessoas e que une corações!

Parabéns, Regiane!

Você passou no teste!

Pelo menos no primeiro deles...

Não se assuste, mas eles vão continuar.

Vão vir em forma de cansaço, enjôos e medo...

Medo de tudo que possa fazer mal ao ser mais esperado e amado por você.

Então, esteja forte !
Por que Deus espera isto de uma super-mãe!

E para as outras que ainda estão no treinamento pesado de Deus, força também!

Em breve o batalhão de super-mães estará ainda mais completo.

Regiane, você é a mais nova super-mãe!

Alegre-se e curta muito o seu momento!

Bjo e que Deus abençoe sua gravidez!

 

Ana Karina



postado por 48208 as 06:42:44 58 comentários




sábado, 23 fevereiro, 2008
Você, Deus!

Eu já pensei em desistir…

Já tive medo de continuar caminhando...

Por que doíam os meus pés...

Eram tantos espinhos, Deus!

Eu chorava tanto que nem enchergava o final da estrada...

Pensava comigo:

- Esta dor não tem mais fim!

Chorava e não via nada além da minha dor...do meu coração partido.

Eu gritava, clamava e pensava que Deus não me ouvia mais...

Gritava mais e me desesperava.

Pensava que todas as orações eram ouvidas, menos a minha.

Como doíam os meus pés...

Os espinhos pareciam só aumentar...

Eu gritava, caía de joelhos e começava a pensar, mais uma vez , que Deus não me ouvia mais.

Ele teria se cansado de minhas súplicas...

Eu pedia demais...

Parei de pedir...

Chega!

Vou tentar apenas agradecer...

Mas era difícil agradecer com o coração despedaçado...

Deus me mandou um recado:

- Eu nunca rejeito oração!

Voltei a orar!

Entreguei meu corpo, minhas dores, meu coração dolorido....tudo!

Os espinhos sumiram...

As correntes se quebraram!

Eu estava nos braços de Jesus!

E ainda estou!

Ele me secou as lágrimas e me ajudou a ver o meu caminho...

E tantos outros caminhos ligados ao meu...

Coisas que as lágrimas turvavam...

Pessoas sorrindo com o coração dilacerado...

Pessoas confiando mesmo quando a escuridão é constante em suas vidas...

O meu céu estava claro...

Minha vitória está no final da minha caminhada...

Ainda não é o final...

Mas o final é de vitória e, agora, eu posso ver.

Sou feliz, Deus...

Tenho todos os motivos para ser assim...

E o maior deles, Deus:

Você!

(Por Ana Karina)



postado por 48208 as 12:50:23 71 comentários




terça, 19 fevereiro, 2008
Como criancinhas, Deus cuida de todos nós!

Olá amigas,

Não sei se vocês já conhecem o texto que eu escolhi. Foi minha mãe quem me deu há uns quatro anos atrás, logo que me mudei para Brasília.

Eu ainda era solteira e vim sozinha, assumir um cargo público. Então, a mensagem foi dirigida a um outro contexto da minha vida. Isso porque, na época,  eu só pensava em voltar para Fortaleza e isso me angustiava muito.

Nem poderia imaginar o que iria acontecer e muito menos, tudo o que eu iria viver nos próximos anos.

Mas um dia,  lendo a Bíblia, encontrei o texto dentro dela e o li novamente.

Já estava em tratamento e percebi que a mensagem se aplicava a qualquer situação da minha vida. Sempre que me angustiava com toda aquela situação, sobretudo nos momentos em que me sentia impotente, aquelas palavras acalmavamo meu coração.

Continuo lendo o texto, e procuro imaginar a minha gravidez e o meu bebê, como a plantinha do segundo monge. Mas, confesso que, muitas vezes, ainda ajo como o primeiro.

A mensagem fala sobre a Fé e como é importante colocar TUDO nas mãos do Pai, embora eu saiba, por experiência própria, o quanto isso é difícil.

Continuo na torcida e oração por todas, gravidinhas e (apenas por enquanto) não gravidinhas.

Muitos beijos pra todas e muitas bênçãos de Deus sobre nossas vidas!!!

Ivana

“Considerai como crescem os lírios dos campos (Mt, 6.28)”

"Preciso de óleo", disse um monge. Então plantou uma muda de oliveira.

"Senhor", pediu ele, a muda é nova e precisa de chuva, para que suas raízes possam beber e propiciar seu crescimento, "Mande chuva branda que não a machuque". 

E Deus mandou chuva branda.

"Senhor", pediu ele novamente, "minha planta precisa de sol, não muito forte que a abrase".

E o sol brilhou dourando as nuvenzinhas chuvosas.

"Agora Senhor, preciso de neve para que minha oliveira ganhe robustez", pediu novamente, e a neve caiu sobre a planta. No entanto, ao acordar no dia seguinte encontrou a plantinha morta.

Então o monge foi a outro e contou-lhe sua experiência.

"Eu também plantei uma oliveira", disse o outro, "e veja como está viçosa", mostrou. “Eu confiei minha planta a Deus que a criou”.

Ele que a fez sabe do que ela precisa, melhor que monges como eu. Não impus condições, não estabeleci meios ou maneiras, apenas pedi: manda o que ela precisa, chuva, sol, vento, neve, Tu o fizestes e Tu sabes.

Nós, como os lírios dos campos crescemos, quer no sol, quer na chuva, e muito mais que os lírios, Deus nos tem amor, e trabalha para quem nele espera, acredite na vida, alguém está cuidando de você, mesmo que não saibamos exatamente o que pedir, se houver amor em nossos corações, receberemos o sol e a chuva na hora certa.

Antes mesmo que eu fale, tu Deus, já sabes o que vou dizer. (Salmos 139.4)

Nós respondemos: “O nosso Deus está no céu; ele faz tudo o que quer.( Salmos 115.3)

Texto retirado do livro “Mananciais do Deserto”.



postado por 48208 as 08:18:51 60 comentários




sexta, 15 fevereiro, 2008
PATCHWORK - O trabalho feito de retalhos

Queridas amiguinhas,

O post de hoje foi escrito pela Rejane. Quando li fiquei muito emocionada. É lindo! Me remeteu a pensamentos de profunda meditação sobre o significado da fraternidade.

Quando pedi ajuda tive muitas mãos estendidas! Não falo somente dos textos lindos que me enviaram, mas, sobretudo das palavras carinhosas e da preocupação de todas vocês. Agradeço a todas por tanto amor recebido e, sobretudo a Deus, que conduziu todas nós até aqui. Que Deus nos abençoe muito!  Vamos pedir que ELE abençoe a Alicinha, que criou esse cantinho tão acolhedor! Ela tem andado um pouquinho afastada, mas saiba amiga, que você está sempre presente em nossas orações e pensamentos.

Bjs pra todas!

Alice M

PATCHWORK - o trabalho feito de retalhos

“O mistério de dar à luz está basicamente associado à idéia de fiar, de tecer e a complicadas atividades femininas que consistem em reunir certos elementos naturais e dar-lhes nova ordem".

Marie-Louise von Franz.

Quando leio livros sobre o universo feminino gosto da comparação que fazem, a de que somos tecelãs.

Vamos construindo nosso dia-a-dia colhendo, separando, tecendo, costurando...

O Diário de uma FIV me lembra muito as mulheres que se reúnem para bordar, costurar, tricotar... Com pontos, tecidos e agulhas diferentes, mas com o mesmo objetivo: A MATERNIDADE.

E o que mais me emociona aqui é o amor.

O amor do qual Paulo fala na Primeira Carta aos Coríntios; capítulo 13, versículos 1 a 8:

"Ainda que eu falasse línguas, as dos homens e as dos anjos, se não tivesse o amor seria como um bronze que soa ou como um címbalo que tine.

Ainda que eu tivesse o dom da profecia, o conhecimento de todos os mistérios e de toda a ciência, ainda que tivesse toda a fé, a ponto de transportar montanhas, se não tivesse o amor, eu nada seria.

Ainda que eu distribuísse todos os meus bens aos famintos, ainda que entregasse meu corpo às chamas, se não tivesse o amor, isso de nada me adiantaria.

O amor é paciente, o amor é prestativo, não é invejoso, não se ostenta, não se incha de orgulho. Nada faz de inconveniente, não procura seu próprio interesse, não se irrita, não guarda rancor. Não se alegra com injustiça, mas se regozija com a verdade.

O amor tudo desculpa, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

O amor jamais passará!"

Aqui sentimos um amor que se alegra imensamente com o POSITIVO das meninas que conseguiram engravidar, um amor que fica comovido e que nos faz esquecer nossas próprias dores para consolar e acalentar as que não conseguiram (POR ENQUANTO).

Temos a benção do amor dos nossos maridos, pacientes, prestativos, carinhosos, capazes de suportar as nossas várias alterações de humor num só dia (que Deus abençoe todos eles).

E com amor vamos tecendo, exercitando a paciência, o altruísmo, o respeito, a compreensão, o "cuidar" do outro...

Nossa! Parece definição de MÃE!

Sim. E estamos exercitando a futura (e breve com a graça de Deus) maternidade umas com as outras.

Beijos Férteis, queridas amigas! Fiquem com Deus.

Amém.

Rejane



postado por 48208 as 11:29:41 54 comentários




terça, 12 fevereiro, 2008
Estou Sempre no Controle!!!

Há momentos na vida em que tempestades insistem em não nos deixar…

Podem ser tempestades de alegria, de sorrisos, de amor...

Mas também podem ser tempestades de dor, de medo...de sofrimento!

Todas são importantes, apesar de valorizarmos mais as alegres.

Todas vêm de Deus!

São uma maneira de Ele nos colocar no caminho que desenhou carinhosamente para nós.

São a prova do Seu amor, por mais que doam.

Lavam a alma e curam as feridas, por mais que não seja visível esta cura.

Há quem não goste de chuva...

Eu aprendi a amar as gotas de chuva mesmo quando me furam a pele... quando me doem na alma ou quando me atormentam o coração!

Amo as tempestadades por saber que são passageiras...

Que vão limpar o céu e deixar o sol brilhar mais forte...

Que vão voltar e serão sempre bem vindas, porque fortalecem meu solo e me ajudam a florescer!

Florescer amor...

Florescer graça...

Florescer bênçãos...

Florescer gratidão.

Gratidão pelo ensinamento ainda que seja doloroso.

Gratidão por poder olhar ao redor e perceber que existem pessoas com tempestadades ainda piores que as minhas...

Gratidão por ter amigos que me levam em seus barquinhos-corações.

Gratidão por ter um Deus que me manda tempestades, mas me dá um “guarda-chuvão” colorido para enfrentá-las.

Gratidão por ter meios de enfrentar cada chuva...

Gratidão por ser forte, mesmo quando penso que sou fraca.

Que venham as tempestades...

Que venham com tudo!

Se eu tiver medo, peço uma vaguinha no seu “barco-coração”...

Se eu estiver forte, te dou uma vaguinha no meu...

Se doer muito, abro o “guarda-chuvão família”...

Se não doer nada, distribuo luz...

Se for demais para mim, penso no outro e na sua tempestada ainda mais forte.

Se ainda continuar pensando que é forte demais, olho para o lado e vejo um sorridente desbravando o mar negro de uma tespestade tão maior e tão mais dolorosa que a minha... e me acalmo.

Acalmo-me e clamo ao Senhor para que o ajude...

Para que nos ajude...

E Deus sorrirá dizendo:

“Estou sempre no controle, minha filha! Não se preocupe!”

Bjs pra todas e que Deus esteja sempre no controle,  presente em nossos corações!

Ana Karina



postado por 48208 as 08:46:00 177 comentários




Perfil
48208
Meu Perfil

Meus Links
Hotéis no Brasil
DNS Grátis
Blog Grátis
Criar Blog
DNS Grátis
Blog Grátis
Mente Milionaria
Hoteis
EncontraSP

Palavras-Chave
FIV

Favoritos
Diário de uma FIV
Fertilizando Amor
+ A FÉ, A ESPERANÇA E O AMOR +
mais...

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
FERTILIZAÇÃO IN VITRO
Eu acredito no amor

Posts Anteriores
A ARANHA
Exercício para a Maternidade.
Super-Mãe!
Você, Deus!
Como criancinhas, Deus cuida de todos nós!
PATCHWORK - O trabalho feito de retalhos
Estou Sempre no Controle!!!
Deus Nunca Erra!!!
A Flor de Lótus é a figura Materna - A força do renascimento
Nos Braços do Pai

Arquivos
01 março, 2008
01 fevereiro, 2008
01 janeiro, 2008
01 dezembro, 2007
01 novembro, 2007
01 outubro, 2007
01 setembro, 2007
01 agosto, 2007
01 julho, 2007
01 junho, 2007
01 maio, 2007
01 abril, 2007
01 março, 2007
01 fevereiro, 2007
01 janeiro, 2007

155842 acessos


CRIAR BLOG GRATIS   
..