There is a light that never goes out.
There is a light that never goes out.

quinta, 23 novembro, 2006
Quem vai dizer tchau.

Quando aconteceu?
Não sei
Quando foi que eu deixei de te amar?
Quando a luz do poste não acendeu?
Quando a sorte não mais pôde ganhar?
Não...
De longe me disse um não
Mas quem vai dizer tchau?

Onde aconteceu?
Não sei
Onde foi que eu deixei de te amar?
Dentro do quarto só estava eu
Dormindo antes de você chegar
Mas, não...
Não foi ontém que eu disse não
E quem vai dizer tchau?

A gente não percebe o amor
Que se perde aos poucos sem virar carinho
Guardar lá dentro o amor não impede
Que ele empedre mesmo crendo-se infinito
Tornar o amor real é expulsá-lo de você
para que ele possa ser de alguém

Somos, se pudermos ser ainda
Fomos donos do que hoje não há mais
Ouve o que houve
E o que escondem em vão
Os pensamentos que preferem calar
Se não...
Irá nos ferir o não,
Mas que não quer dizer tchau.




postado por 29579 as 05:22:25
1 comentários:

Katyuscia:
Há tempos!
quinta, novembro 23, 2006 11:03
Comente este post
Início
Perfil
29579
Meu Perfil

Meus Links
>> Blog Grátis
Criar Blog
Manta Absorvente de Óleo
Hoteis

Palavras-Chave
>> sexo
>> drogas
>> e
>> tchau

Favoritos
Folha em Branco
DA CAATINGA AO DIMBÓ
All you feel.
Poetizando
Universo Paralelo
mais...

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
>> Dando passos sem anadar.
>> All swept away (tardução).
>> Mais uma noite.
>> Dialética.
>> Desbotado.
>> Crash, crash. (tradução).
>> Antes que seja tarde.
>> (Don't need) religion (tradução).
>> Nessa chuva de setembro.
>> I'm not sorry (tradução).

Arquivos

17724 acessos
CRIAR BLOG GRATIS   
..