Encontro Educativo
Encontro Educativo

segunda, 31 maio, 2010
Leitura
Leitura

A palavra Leitura vem do latim lectum de legere, que significa arte de ler; ato ou o efeito de ler. Ler, do latim, legere, é conhecer, interpretar por meio da leitura e compreender.  A leitura é, pois, uma atividade de compreensão das diversas mensagens existentes no ambiente em que o indivíduo vive. Essas mensagens podem se apresentar de várias formas: imagens, sons, código escrito, entre outros.
Considerando o código escrito, Solé define a leitura como "um processo mediante o qual se compreende a linguagem escrita. Nesta compreensão intervém tanto o texto, sua forma e conteúdo, como o leitor, suas expectativas e conhecimentos prévios" (SOLÉ, 1998, p23).
Partindo dessa definição, podemos afirmar que a leitura é um processo complexo que exige do leitor várias habilidades. Não basta apenas saber decodificar os signos e sinais, pois a decodificação por si só não garante a compreensão do que está sendo lido. É necessário que o leitor, ciente do significado das palavras, dê sentido profundo ao texto. A compreensão da leitura depende do conhecimento de mundo e da multiplicidade de sentidos que o leitor dá ao texto.
Para Chartier (1999), a leitura é sempre apropriação, invenção, produção de significados. Assim, toda leitura supõe, em seu princípio, a liberdade do leitor que desloca e subverte aquilo que o livro lhe pretende impor. Esta liberdade não é absoluta, mas é cercada por limitações derivadas das capacidades, convenções e hábitos que caracterizam, em suas diferenças, as práticas de leitura.
Ao fazer uma leitura, "a relação do leitor com o texto é sempre receptiva e ativa ao mesmo tempo" (JOUVE,2002,p.127). O leitor transforma o texto e transforma-se ao mesmo tempo. Existe um confronto entre o texto e a visão de mundo do leitor, que é construída por meio das determinações socioculturais, das suas experiências com outras leituras, dos seus desejos.
Nessa perspectiva, a leitura apresenta-se como uma interação produtiva entre o texto e o leitor, possibilitando o descortinar de novos horizontes. Para Silva (2003), a leitura é um processo fundamental para a superação do reducionismo, da simplificação e do egocentrismo do sujeito, capaz de adensar o pensamento, levando-o a esferas de ações menos inocentes e alienadas.
Assim, compreendendo a leitura como uma "atividade complexa e plural, que se desenvolve em várias direções" (JOUVE, 2002,p.17), a escola precisa se transformar em um lugar onde as razões para ler sejam intensamente vividas. Alunos e professores, enquanto leitores devem ter claros seus objetivos de leitura, os quais dependem dos diferentes momentos e situações: ler para aprender; ler pelo prazer; ler para comunicar uma informação a outro; ler para induzir; ler para libertar; ler para obter informações precisas; ler para viver... "Cada leitor, para cada uma de suas leituras, é singular".(CHARTIER, 1999,p.91)

REFERÊNCIAS:
CHARTIER, Roger. A aventura do livro: do leitor ao navegador. Trad. Reginaldo de Moraes. São Paulo: Editora UNESP/ Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 1999.

JOUVE, Vincent. A leitura. São Paulo: Editora UNESP, 2002.

SILVA, Ezequiel T. da. Condições para fazer leitores nas escolas brasileiras: do medonho ao sem-vergonha. In. Leitura: um cons/certo. FERREIRA, Sandra de A. (Org.). São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2003.

SOLÉ, Isabel. Estratégias de Leitura. Trad. Cláudia Shilling .6º ed. Porto Alegre: ArtMed, 1998. 



postado por 140465 as 07:56:54




0 comentários:

Comente este post
Início
Perfil
140465
Meu Perfil

Meus Links
Blog Grátis
Criar Blog
Manta Absorvente de Óleo
Hoteis

Palavras-Chave
Leitura

Favoritos
Não há favoritos.

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
Formação Continuada
O novo conceito de família
Estatuto da Criança e do Adolescente
Desafios do Professor na Atualidade
Contos de fadas e alfabetização
Brincadeiras na Educação Infantil
Avaliação diagnóstica na alfabetização
Distúrbios do Déficit de Atenção
O que é o Bullying?

Arquivos
2010, 01 junho
2010, 01 maio

0 acessos


CRIAR BLOG GRATIS   
..