"EU SEI, MAS EU TÔ FALANDO."
"EU SEI, MAS EU TÔ FALANDO."
segunda, 02 abril, 2007
Eu pensei que jamais voltaria aqui....!!!!


2006 passou e 2007 já está no mês de abril e praticamente nada na minha vida mudou!!! Até agora continuo praticamente na mesma situação.


postado por 166 as 12:17:13 # 0 comentários
domingo, 01 janeiro, 2006
Ano novo...

FELIZ 2006!!!

  Pois é gente, 2006 já está a todo vapor, prontinho para mostrar a que veio! Teremos eleições e Copa do Mundo.... haja coração!!!!
   Passei um bom tempo sem dar o ar da minha graça, só que hoje voltei para colocar ordem na casa.
   O Natal foi comemorado na casa da Tiana, com toda a família reunida e alguns amigos.  Claro que o cinegrafista oficial registrou todos os momentos.
   No dia 24 houve uma grande ceia repleta de frutas e sobremessas. tambêm teve uma farta distribuição de prêmios: para os homens pacotinhos contendo balas e bombons, e para as mulheres, sorteio de utilíssimas vasilhas de plástico... (oferecimento da loja de R$ 1,35). 

postado por 166 as 10:50:19 # 2 comentários
sexta, 11 novembro, 2005
NÓS ÉRAMOS FELIZES E NÃO SABÍAMOS!

   Engraçado.... no post anterior eu falei sobre a saudade e recordações de amigos, dos tempos de infância e hoje eu estava no cursinho e exepcionalmente todos da sala tiveram que ir para outra, pois o nosso professor  não poderia comparecer. Logo ao chegar reconheci um colega que estudou comigo na 3ª série, o Edilson.

    Até aí nada demais pois eu sempre de vez em quando via ele pela cidade, mas hoje, depois de vários anos, pude conversar com ele. Falamos sobre o tempo de escola, dos colegas, se ele tinha notícias de alguém...

   Ele me contou que viu o Jamílson, que quase não mudou nada daquele seu jeito brincalhão. Eu tenho bastante vontade de vê-lo novamente, pois tenho ótimas lembranças dele. Principalmente da época em que fazíamos catequese, a professora tentando nos ensinar religião e a importância da 1ª comunhão e nós dois jogando jogo da velha, riscando com giz o banco de cimento....Muito legal!

   Perguntas ficaram sem respostas: por onde anda o Rogério, o cara tinha a maior pinta, era o bam-bam-bam. As meninas eram todas caídinhas por ele.

   O Edílson já casou e já vai ser pai pela 2ª vez e eu ainda estou parado no tempo, desabafei à ele que já tenho 30 anos e ainda não fiz praticamente nada em minha vida!!!!! Ele também não está melhor do que eu, trabalha na secretaria da igreja matriz.

   Contei-lhe sobre a morte do Luciano, colega nosso de sala, que também estudou comigo no pré-escolar (o então prézinho) e gostava de me incomodar. ele sofreu um acidente de moto, como fiquei sabendo pelo Vanderlei, que também era da nossa turma e que vím a saber que é primo da minha meia-irmã.

   Dos poucos minutos em que conversamos tudo pode ser resumido em uma frase que o Edílson disse: que aquela época foi a melhor, onde vivíamos sem nenhuma preocupação e onde tudo era felicidade!

   Pena que a gente só vive as coisas uma vez e não podemos fazer o tempo parar ou voltar.... sendo o jeito viver de recordações e tocar o barco pra frente, que atás vem gente!!!!!!


postado por 166 as 12:46:21 # 21 comentários
segunda, 07 novembro, 2005
AO AMIGO DISTANTE

   Mais um final de semana chegou ao fim. estamos nos últimos suspiros do domingo, falatando apenas menos de 40 minutos para a tão temida segunda-feira dar os seus ares e aí.... começa tudo outra vez....

   Ao acessar a página da Cristina Mel, cantora evangélica, deparei-me com um clip de uma música que me deixou bastante pensativo... pois a canção se refere à saudade de uma pessoa por alguém que tanto ela gosta, a qual conviveu com ela desde a infância e que se encontra distante, muito longe... não o muito para que fosse possível o seu esquecimento.

   Fiquei lembrando como o tempo passa e a gente nem percebe. O nosso tempo de garoto, os colegas da rua de casa, que hoje já são pais de família, que ainda moram por aqui e outros que nunca mais vimos....

   Mas o tempo é implacável, não pára!

   CRISTINA MEL:  AO AMIGO DISTANTE

És amado, amigo e por tí oro
Embora tão longe, contigo estou
Desde então, só as lembranças veêm

Um pedaço grande do coração tirou
E levou pra longe. Responde, tenta ligar para mim!
Eu ainda te amo demais...
Te amo...
E em lugares que juntos estivemos a rir
Agora, sozinha, não consigo sorrir
Tua fala sincera eu gravei
O teu jeito tão real
Ah! Eu confesso, amigo
Meu amor por ti é leal
Te amo, amigo!
 


postado por 166 as 12:01:08 # 0 comentários
terça, 01 novembro, 2005
FESTA E SAUDADE

 04/09/2005

     Domingo passado tive mais uma daquelas crises de saudosismo e como foi ruím...  Antes, no sábado, lá na chácara do Zé, teve o aniversário da Melissa e do Pedro. 

    Tava todo mundo lá, somente o Sílvio não foi (Até por que a Tiana não o convidou - que mancada!!!! É que ela tinha planejado fazer somente uma pequena comemoração e chamaria apenas os da casa da Tereza, do Adão e ainda a Vanusa, D. Manoela e eu - claro!!!! No total umas 15 pessoas, lá na casa da Tiana.

    Só que, a festinha acabou sendo adiada por dois finais de semana e quando finalmente aconteceu, foi na chácara e todo o resto da família acabou indo - até a Ione e companhia, que mora la no Recanto das Emas - menos o Sílvio.

......................................................................................................................................

.......................................................................................................................................

   ( DEI UMA PEQUENA PAUSA PARA IR LÁ NA COZINHA PEGAR UNS PÃES DE QUEIJO E UM COPO DE CHÁ, POIS É HORA DO LANCHE!!!! )

    Mas voltando ao assunto, novamente eu fiquei incumbido de fazer as filmagens (mentira, eu que me ofereci). Cheguei lá por volta das 17:50 e o pessoal ainda não tinha iniciado a arrumação da mesa - ainda estavam colocando os balões. Pena que não deu para eu ir na parte da manhã, como todos os outros..... Churrasqueira assando os últimos pedaços de carne - da qual ainda consegui comer uns 4. Logo depois, foi servido um caldo de mandioca, que estava uma delícia. Tanto que tomei 04 copos, com pimenta.

    Aos poucos foi chegando o restante do pessoal e eu dando uma de cineasta, dirigindo as cenas, falando para a melissa e o Pedro como eles deveriam fazer, para eu filmar.

    Somente lá pelas 10 da noite é que todos poderam cantar o parabéns e comer do bolo. Quer dizer,dos bolos, pois eram um de chocolate e outro de maracujá.

    Assim que os bolos foram colocados na mesa o Maurício veio logo com as suas gozações - como é de praxe. Ele perguntou à Eva: se os bolos estavam bonitos, então por que ela tinha sentado neles? Tudo isso foi porque os bolos haviam achatados depois que ficaram prontos. Comi uns 03 pedaços do de chocolate e o de maracujá eu não quis.

    Após terem "limpado" a mesa onde estavam os bolos, brigadeiros, balas e pirulitos, as crianças foram chamadas para se reunirem, pois iria ser rasgado o saco que estava pendurado no teto, com balas, cocadinhas, brinquedinhos, bombons e balas de coco.

    No meio dos pequenos havia também os marmanjos - incluindo eu - que não perderam tempo quando as guloseimas começaram a cair sobre as cabeças... foi muito divertido!!!

    Aquilo que era para ser apenas uma "comemoraçãozinha" foi na verdade muito além disso, e estavam presentes umas 45 pessoas entre familiares e amigos.

     No dia seguinte, lá na casa da D. Manoela, houve um almoço bem caprichado, onde estavam a Tereza e família, os da casa da Tiana e a Ione com a Larissa e a Naira. Nesse dia, a fita do aniversário foi passada umas 04 vezes seguidas, pois cada vez um chegava e pedia para ver.

     Depois de todos terem se fartado e aproveitado a sobremesa, veio a hora mais triste do dia: a hora em que todos começam a ir embora. E é nesse momento que começo a ficar, de certa forma, deprimido. Os primeiros a ir foram a Tiana, Maurício, Cáio, Melissa e o Pedro; logo após, Tereza, Zé, Jocafi, Renato e Patrícia; e por último a Ione e as meninas....

     Pronto, a minha crise de saudosismo começou.... Me senti tão mal... è uma coisa difícil de explicar!!!! Ficava pensando que, momentos atrás, todos estavam reunido, e agora, todas voltavam para a suas vidas, os seus problemas.... enfim, o seu mundo. E eu alí, querendo que o tempo voltasse, para que eu tivesse novamente a companhia dessas pessoas. Fiquei bastante agoniado, sem saber o que fazer.... A minha mente estava à mil e o meu corpo passou a não ter mais vontade de fazer alguma coisa.....

     Tentava me distraír para ver se aquilo tudo passava, pois não era, não foi e com certeza não será a última vez que sentirei isso. Qual será a explicação para eu sempre ter essas senssações, psicologicamente falando? Bom, o Domingo passou e com ele ficou tudo aquilo.


postado por 166 as 03:06:19 # 0 comentários
DANDO UMA DE ESCRITOR

14/07/2005

     Ele era um garoto, de uns 14 anos, que morava com a mãe, o pai e o seu irmão Fabinho em um bairro pobre daquela cidade.
     Certo dia a sua mãe pediu-lhe que fosse à farmácia. Deu-lhe o dinheiro e ordenou que voltasse logo, pois o seu irmão ardia em febre.
     Passando por entre as casas velhas de madeira, nas ruas sujas, ele encontra uma pessoa que mudará para sempre a sua vida, levando-o ao mundo das drogas.
   (Essa é a história da vida de Marcos, marcada pelas drogas, más companhias e rebeldia.
   Contudo, a sua escolha errada acaba envolvendo a sua família: Seu pai José Mauro; sua mãe Aparecida e seu irmão Fabinho.)


postado por 166 as 02:45:48 # 0 comentários
********************

26 Maio de 2005

Momento de reflexão

       Of time in when I stop and start to reflect on my life.  Until I scare myself quado I fall in the reality and I perceive that already I go to make 30 years!!!!!  30 years and so far I did not make absolutely nothing!!!!!!  Shot for base the colleagues here of the street.  Colleagues with which I lived my infancy, today already are married, have children, good job, car, are independent, are happy!  This being much more new that I!!!!!  E I?  He seems that I not crescí - in such a way mental, social and personally - therefore of size.... (therefore already they had said me, more than a time, that I am still child).  30 years and still I did not marry, still I do not have son, still I do not have a good job - for the time being I do not have nor one ruím -, still I do not have car - I have only one permission, that already it is been successful to the 02 years -, still I am not total independent....  I still am not happy.....  Clearly that I have much guilt of this everything to be of this skill.  I find that I stopped in the time!!!!!!!

postado por 166 as 02:41:10 # 5 comentários
EXCESSO DE PAGAMENTO

21 Maio de 2005

        "TELEBRASILIA IMFORMA: ESTE TELEFONE ESTÁ TEMPORARIAMENTE BLOQUEADO."

    Como eu já havia dito, o meu telefone está igual Pai-de-santo: só recebendo.
   Estou conseguindo acessar a internet pois acabei dando um "jeitinho brasileiro": puxei uma extensão de outro telefone que há em casa, mas não será por muito tempo.
   Infelizmente dessa vez eu não dei a mesma sorte igual a do ano passado, com isso o meu sonho de entrar para a Polícia Militar foi mais uma vez adiado
.

postado por 166 as 02:38:10 # 0 comentários
MADRUGADA FRIA

17 Maio 2005    

     Estou sentado no sofá, em frente ao computador. Faz frio. Estou enrolado com uma coberta.
     Penso em que escrever, mas parece que nada tenho para contar.
     São 05:45 da manhã, daqui à pouco terei que sair.
     Talvez este seja o último post que coloco antes de meu telefone ser bloqueado.
     Sem trabalho, como eu posso pagar a conta?
     Bom, já está chegando a hora de me desconectar.

     Hoje ficarei na expectativa da Telebrasília cortar o meu telefone. Tomara que ela se esqueça de mim (o que será muito difícil).
     Agora não tem mais jeito, todos os o3 despertadores que coloquei para me acordar, caso eu dormisse em frente ao computador e perdesse a hora - o que não aconteceu - estão tocando, me avisando de que é hora de dizer tchau.


postado por 166 as 02:37:18 # 0 comentários
"A SEGURANÇA DO BRASIL EM NOSSAS MÃOS."

12 Maio de 2005

DRAGÕES, BOM DIA!!!!!

     Umas duas semanas atrás tiver que ir até o SAAN e na volta peguei o ônibus para a rodoviária, que passa no Setor Militar Urbano.
     Toda vez que passo por lá me lembro do meu tempo de quartel - há 11 anos atrás!!!!!.
     Fui observando aqueles quatro soldados do exécito, conversavam animadamente sobre os acontecimentos passados no RCG - o mesmo que eu serví, em 1994. 
    Os mesmos jargões que eu usava naquela época; as imitações dos superiores... como o tempo passa.... sendo que quando eu servia o RCG eles nem ainda sequer sabiam o que era Serviço Militar, pois tinham entre 08 e 09 anos.  Ainda brincavam na rua de biloca, bola, totalmente indiferentes ao que viria pela frente.      

postado por 166 as 02:32:53 # 0 comentários
DIA DAS MÃES

08 Maio de 2005

HOJE É FESTA !!!!!!

     Beleza? Hoje é um dia bastante especial, pois é o dia das mães. Todos reunidos, naquela comemoração!!!!
    Não foi diferente na casa da D. Manoela, onde teve um almoço bem caprichado, com direito a bife alí na mesa, quer dizer, bife à milanesa e de sobremessa, sorvete.
    Logo bem cedo, Vanusa deu para a sua mãe uma cesta de café da manhã.   Depois veio o Zé e a tereza, ela também deu um presente. Logo após, Sidom apareceu e deu uma blusa.
    Tereza resolveu fazer o almoço lá mesmo, aí chegou o Adão com a Lúcia.
    Enquanto preparava-se a comida, resolvemos assistir a fita de casamento do Renato e a Patrícia.
    Devo dizer que, desde o dia do casamento deles, eu já falava que a gravação não seria boa, pois o rapaz (na verdade um garoto - que com certeza não tem muita prática e nem um mínimo de conhecimento sobre uma boa gravação - , filho do cara que estava fotografando, ficou praticamente a cerimônia toda somente em um lugar - parecia que tinham colocado Super bonder em seus pés; além disso, balançava a câmera mais do que se estivesse em um terremoto; e também filmou mais o pastor, os cantores, a pessoa que leu os papéis referentes ao cartório do que os noivos e os convidados.....!!!!
    O que posso dizer é que, pelo menos a introdução da fita saiu legal, bem editada.
    Rimos muito quando um dos padrinhos entrou na igreja com a gravata totalmente para fora do colete!!!! Parecia o Cocada!!!!
    Muitas outras gafes foram vistas, então fomos atacar a cozinha.
    Aqui em casa também teve a reunião familiar com o tradicional almoço

postado por 166 as 02:28:47 # 0 comentários
FORA DO AR

Desculpem a nossa falha técnica.
Voltaremos dentro de instantes com a nossa programação normal.

(Eu sempre quiz dizer isto!!!!!)

Edgar 29Abr2005 - 05:57

postado por 166 as 02:04:40 # 0 comentários
...E VEIO O FIM...

        UM SACO À BEIRA DO ASFALTO
           O TRISTE FIM DE UM GANSO

   Bom, depois que a chuva acabou, fomos correndo pegar o ganso, que estava caído atrás da casa. Parecia que estava morto, os seus pés e a cabeça estavam arroxeadas - um efeito causadopelos ferrões das centenas de abelhas que lhe haviam tacado.
    A situaçãoção daquela ave estava bastante complicada, quase não se mexia e soltava pequenos grunhidos, como querendo dizer que ele não iria suportar por muito tempo.
    À partir desse momento eu virei o emfermeiro do ganso. Dei-lhe um ouco de água, molhei o seu corpo e iniciei a tirar-lhes os ferrões.
    Às vezes ele saia do seu estado moribundo e como tentando reagir á morte iminente, dava um sacolejo nas penas, soltava um alto grasnado e colocava-se a caminhar, porém os seus olhos estavam afetados, e com isso, sempre acabava dando de bico com a parede.
    Ficou nessa agonia por uns 30 minutos até que o seu estado piorou. Agora a sua respiração estava sendo dificultada, os pulmões pareciam estarem cheios de uma gosma esverdeada que fazia que o ganso se sufocasse.
    Passei um bom tempo colocando o dedo na boca (bico) dele e retirando essa gosma. Cheguei até a colocar ele de cabeiça para baixo e dar-lhe pequenos tapas em suas costas, para poder desobstruir a sua gartanta, más de nada estava adiantando.
    Dava pena (sem querer fazer um trocadilho) vê-lo naquela agonia, naquela luta pela sobrevivência, morrendo tão trágicamente por causa de uma brincadeira sem graça.
    Ainda tinhamos esperança que ele sobrevivesse, porém, sem muita convicção.
    O Zé veio com frasco de remédio, para aplicar na ave, ví que estava vencido à 02 anos, contudo, era o único que se tinha. Foi arrumada a injeção e assim que o Zé a aplicou, o ganso esperneou, se esticou todo e deu seu último grasnado...
MORREU!!!!
    Bem que eu tentei enterrá-lo, lá na chácara, más o Zé disse que os cachorros poderiam dessenterrá-lo e comer e talvez passassem mal.
    Então ele arrumou um saco de plástico e coloquei o corpo do ganso dentro.Tive um trabalhinho, pois nem haviam passados 10 minutos da morte e o ganso já estava duro!
    Assim que fomos embora, paramos o carro no acostamento do asfalto e eu tive, mesmo à contra gosto, jogar aquele saco no meio do mato.
    Bom, não foi bem o "funeral" que o ganso merecia, pois pode-se dizer que ele foi um "salvador da pátria", totalmente involuntário. Digo isso pois para aonde é que aquelas centenas de abelhas enfurecidas iriam, se não tivessem atacado aquele ganso?

Edgar em 21Abr2005 - 06:21


postado por 166 as 01:59:32 # 0 comentários
VAI TRABALHAR, VAGABUNDO!!!!!!!!!!!

VÁ TRABALHAR, VAGABUNDO!!!!!!!

VÁ TRABALHAR, VAGABUNDO!!!!!!!!!!!

VÁ TRABALHAR, VAGABUNDO!!!!!!!!!!!
Edgar Silva em 19Abr2005 - 05:26


postado por 166 as 01:51:06 # 0 comentários
O GANSO QUE PAGOU O PATO.

   Edgar em 27Mar2005 - 23:49

  Caros amigos, hoje foi um dia que ficará marcado na memória de todas aquelas pessoas que viveram momentos de susto, pânico, tristeza e um pouco de ferroadas pelo corpo e com uma morte bastante violenta de um ganso.
  7:30 da manhã deste domingo, eu estava dormindo, depois de ficar a madrugada inteira na internet, o telefone toca e eu, ainda um pouco zonzo de sono, atendo e era Vanusa, pergunta se eu gostaria de ir para a chácara do Zé - mesma coisa que perguntar se macaco quer banana.
  Fui para o local combinado de esperar por eles e a chuva começou a cair. Corro para debaixo de uma árvore e alí vejo os minutos passarem e nada deles chegarem. Estava quase voltando para casa quando o carro se aproxima, buzinando, era o Zé com o carro lotado - Tereza, Vanusa, Melissa, D. Manoela e Jocafi.
  Passamos na casa de Renato que, junto com a Patrícia, foi no outro carro onde estava a Romilda (sua madrinha), o seu marido Clóvis e os seus dois filhos, Alexandre e Guilherme.
  Tudo pronto, lá fomos nós, na esperança de ter-mos um dia de total divertimento. No caminho, Adão liga avisando que também vai para lá.
  Depois de uns 20 minutos chegamos e fomos logo descarregando os apetrechos para o preparo do almoço.
   Andando pela área da casa, o Zé descobre dois montes de marimbondos no teto, sendo que o maior deles tinha uns quase 200 desses insetos. Então ele preparou uma tocha para queima-los, más não deu muito certo porque o calor do fogo não estava bastante o forte para dizima-los.
   Ao chegar a tocha acesa perto deles, o monte inteiro caiu, fazendo-nos acreditar que a operação foi um sucesso, qual não foi a nossa surpresa em ver que poucos foram mortos e que agora os marimbondos estavam louquinhos para pegar a gente!
   Quando ele se acalmaram fui tentando mata-los usando uma vassoura, só que pouco depois, eu levei uma ferroada - para ficar esperto! -, desistí e comentei com Zé que seria bom se tivesse um lança chamas. Enão é que tinha? 
Voltando, colocou-o no botijão de gás e fomos combater os montes de marimbondos. Fiquei segurando o botijão enquanto ele jogava uma enorme labareda de fogo sobre os "coitadinhos", que caim torrados. Assim a morte de marimbondos foi muito maior.
   Contudo, esses insetos ñão desistem fácil e novamente se reagrupam em mais um montinho no teto da área. Renato e eu tivemos a idéia de esmagá-los, com um pau e uma táuboa na ponta.
   Quem teve a "honra" de testar o invento foi Renato. Ficou bem debaixo do monte e imprensou-os com a madeira. Resultado: cerca de 80% deles morreram e os que sobraram ficaram desorientados.
   Deixamos os maribondos de lado e nos juntamos ao resto do pessoal, que estava na área do lado, perto da cozinha, onde as mulheres preparavam o almoço.
   Conversa vai, conversa vem e é nesse ponto que o dia de todos alí passaria por algumas situações não previstas.
Tudo se inicia quando Renato avista no alto tronco podre de árvore que fica no meio de um lago, ao lado da casa, algumas abelhas que sobrevoavam em volta de um buraco no tronco.
   Não sei o que deu em Renato, pois ele pegou um estilingue e ficou querendo acertar o buraco no tronco. A ele se juntaram os dois filhos da sua madrinha e iniciaram um bombardeio de pedras naquele local. Ao ver tal cena, Zé avisa que lá tem abelha e que é melhor parar com isso, más Renato pensou que eram poucas e continuou a jogoar pedras.
   Eu estava ao lado deles, más não participei.
   Bom, não deu outro resultado, pois a confusão já estava armada. Renato e os outros dois acertaram onde as abelhas estavam, o que desencadeou um alvoroçamento completo delas.
   Vendo que elas estavam saindo do tronco, resolvemos dar o fora dali, foi onde eu, descendo correndo um pequeno barranco do lago, pulei na ponta da calçada do quintal, que acabou cedendo e me estatelei de barriga no chão .
   Rapidamente levantei e limpei as minhas roupas. Me perguntaram se estava bem, respondi que, tirando os dois joelhos ralados, estava 100%. Claro que tudo isso em meio às risadas dos que presenciaram tal cena, merecedora de passar nas videocassetadas do Faustão.
   O que ocorreu depois disto foram correrias, gritos, mulheres desesperadas, vendo a cozinha ser invadida por um enxame de abelhas, assim como todo o quintal.
   Eu corrí para bem longe e de lá ví os cachorros rolarem no mato, tentando se livrarem das abelhas que os picavam impiedosamente. Elas pareciam querer acabar com tudo e com todos à sua volta, pois foram provocadas e agora, se sentindo ameaçadas, atacavam.
   Tereza, Romilda, Patrícia e Melissa, que estavam na cozinha, ao verem todo mundo correndo, não entendeu o porquê, somente quando as abelhas começaram a entrar é que elas se deram conta do perigo que corriam. Sairam o mais rápido que puderam, mas as abelhas já estavam se enrroscando em seus cabelos e ferroando-lhes as cabeças
   Correram para dentro do quarto, Melissa - que estava abrindo o maior berreiro, com abelhas picando a sua cabeça - e Patrícia, que foi ferroadas umas 04 vezes, e acabou passando mal.
   Tereza e Romilda, desesperadas, saíram e deixaram as panelas no fogo, sendo nescessário Zé se enrolar num lençol e ir até a cozinha desligar o botijão.
   Vanusa, que nesse momento estava no banheiro, ouviu toda aquela gritaria mas pensou que fossem os maribondos e resolveu sair - o que com certeza foi um péssima idéia, pois as abelhas já a esparava na porta para uma dolorosa recepção. Correu também para o quarto, com ferroadas na cabeça e no braço.
   As abelhas estavam mesmo atacando quase todos os animais da chácara, os cachorros pareciam foguetes, correndo para bem longe dalí.
   O marido da Romilda, mesmo levando ferroadas, ajudava a mulher a retirar as abelhas de seu cabelo, que mais parecia uma colméia (brincadeira). Ela pegava um pouco de lama e colocava no local das picadas para que não inchasse e ele esfregava mato no corpo, a fim de que o cheiro das abelhas que ele matou não atraíssem as outras. Resolveu correr para o carro, contudo as abelhas já tinham chegado primeiro.
   Jocafi e Alexandre desapareceram do mapa, mas mesmo assim não escaparam ilesos, cada um levou a sua parte.
   Tereza veio nos avisar que as abelhas estavam atacando o ganso, me enrrolei em um leçol e corri para tentar fazer alguma coisa, e a cena que ví não me animou nem um pouco: o ganso estava caído e em seu corpo estavam umas 200 abelhas!!!! Isso mesmo, não dava para ver nem a cabeça e nem os pés da ave, pois as abelhas tomaram conta!!!
   Vanusa depois me disse que quando as abelhas começaram a atacar o ganso, ele se debateu igual a uma galinha, quando se corta o pescoço dela. Uma cena horrível! O coitado não agüentou o tanto de abelhas em seu corpo e caiu, sem forças para nada.
   Então como não era possível fazer nada, resovi voltar, pois as "assassinas" já estam me rodeando, doidinhas para me transformar em peneira.
   Em meio àquela confusão toda, Clóvis lembrou-se da D. Manoela, onde estaria ela? Será que as abelhas a haviam pego? Que nada, pois parecia que ela tinha advinhado o que iria acontecer, ela estava bem no fundo da chácara, (fazendo não sei o quê) porém o importante é que ela não experimentou a dorzinha de uma picada de abelha.
   Elas pareciam que sabiam quem era o causador daquilo tudo, pois iam diretinho atrás do Renato, que corria pra lá e pra cá, se abanando todo. Seria cômico se não fosse trágico.
   Eu e Renato conseguimos correr até a casa e entrar no quarto onde Vanusa, Melissa e Patrícia estavam. De cara, Vanusa já veio encrencar comigo, pensando que eu também estava envolvido com tudo aquilo e o próprio Renato afirmou a minha inocência
   Só sei que foram uns 15 minutos de sufoco, mas a nossa salvação foi a chuva que caiu nesse momento, espantando as abelhas.
   Aqui termino a primeira parte dessa história, depois contarei o fim do ganso. 


postado por 166 as 01:10:11 # 0 comentários
PENSAMENTOS DE UM LEIGO

   Caro amigo:
   Nós trabalhamos todos em conjunto, estamos sempre dependendo um do outro. A empresa em que trabalhamos precisa de nós e nós necessitamos dela para a nossa sobrevivência.
    Ninguém está aqui por que gosta, mas sim porque precisamos trabalhar. As leis de Deus são de causa e efeito. Se você transmite amor ao seu irmão, com certeza será retribuído; se você vibra ódio, rancor e maldade, você receberá o que transmitiu.
   Procure ser tolerante e paciente para com o seu próximo, pois Deus saberá lhe recompensar.
   Deseje sempre o bem àquele que diz ser seu inimigo. Lembre-se sempre que estamos aqui nesse mundo cruel de passagem, nada aqui é permanente, tudo não passa de ilusão. Daqui só levamos o que praticamos.
   Limpe sua áurea com pensamentos positivos, procure sempre manter limpo o seu local de trabalho, pois em ambiente limpo terá bons fluídos.
   Você é aquilo que deseja ser, seus olhos e atitudes demosntram o que vai na sua alma.
   Não precisa jogar porcaria no chão e nem passá-las nas paredes dos banheiros, para isso existem lixeiras e ninguém é obrigado a limpar as sujeiras dos outros, limpe-as você mesmo.
   No serviço você é a imagem do que é em casa.
   Que a carapuça caia na cabeça daquele que lhe servir.
   " Muitas vezes aqueles que se dizem ricos e donos da verdade, são tão pobres de espirito diante dos olhos de Deus, não sabem o verdadeiro significado da palavra humildade."
(Texto redigido por Raimunda, minha colega da Coperbras.)
Edgar em 25Mar2005 - 18:36

postado por 166 as 01:06:14 # 4 comentários
AUTOMÓVEL: MÁQUINA DE MATAR?

   Ele, já faz tempo, deixou de ser considerado um simples meio de locomoção para se transformar em uma máquina de matar.
   Claro que por sí só, esse conjunto de engrenagens, emaranhado de fios e toneladas de ferro, os quais denominamos de automóvel, não têm esse poder destrutivo. Mas, ao se juntarem ao volante de um carro, mãos de uma pessoa totalmente incapacitada, tanto moral quanto fisicamente, o resultado é inevitável.
   O próprio ser humano, que um dia inventou essa maravilha - e por tabela deveria tê-la em seu controle - está agora se deixando ser controlado, de uma forma quase que hipnótica.
   À direção, sente-se possuído pelo poder da velocidade e, igualmente às imagens que vão passando pela janela, as noções dos riscos ficam para trás. Tem-se a confiança de que a sua habilidade ao volante é maior que a fatalidade.
   E alta velocidade já virou sinônimo de morte, pois em sua grande maioria, os acidentes são provocados por esse desrrespeito à lei. Se bem que o que não faltam são leis que proíbam e coíbam esses acintes.
   O
Código Brasileiro de Trânsito foi totalmente reformulado, as penalidades aumentadas, mas parece que tudo isso não está surtindo efeito! Dados de pesquisas confirmam que à cada ano ocorram mais de 20.000 acidentes com um número de mortes alarmante.
   Claro que não é só a velocidade acima do limite a causadora de tantas tragédias. Parece que algumas pessoas ainda não descobriram que álcool e direção não combinam. Exemplos são mostrados quase todos os dias. A bebida diminui o poder de concentração e, consequêntemente, a reação diante de uma situação inesperada é quase nula.
   O trânsito em geral está cada vez mais caótico e perigoso, pois as estradas já construídas não suportam o enorme tráfego de carros e que a cada dia se multiplicam.
   O governo, responsável pela manutenção das vias, admite que é incapaz de gerenciar toda a malha viária, com isso, o que se vê são estradas jogadas ao abandono, cheias de crateras e com falta de sinalização. Tudo isso contribui negativamente, forçando os motoristas a fazerem manobras arriscadas, colocando em risco diversas vidas.
    A solução para todos esses problemas, parece cada vez mais distante, contudo, se cada pessoa cooperar, respeitando os direitos de cada um, às sinalizações e aos seus próprios limites e as autoridades levarem mais a sério as questões relacionadas ao trânsito, poderemos entrar novamente em nossos automóveis, trânqüilos de que na pista veremos somente as faixas pintadas no asfalto e não mais , rastros de sangue.
    (Esse texto foi feito por mim, quando ainda trabalhava na Coperbras, à pedido do Natálio.
    Ele precisava apresentar, na escola, uma redação sobre o automóvel, como não tinha muito jeito para isso ele perguntou-me se eu poderia ajudá-lo. Passei quase a tarde inteira para o redigir e datilografar.
   No dia seguinte o Natálio me disse que todos gostaram do "seu" texto, sendo que a professora ficou desconfiada se realmente fora ele o autor daquela redação.)
 Edgar em 17Mar2005 - 06:16

postado por 166 as 01:05:33 # 0 comentários
BOLACHÓLOGO

   De bolacha recheada eu entendo. Sei, só de olhar as embalagens, aquelas que são gostosas, as que são mais ou menos e as que são uma calamidade!
  BOLACHAS CALAMIDADE: Aquelas que só em caso de você estar com muiiiiita fome mesmo - e ainda olhe lá - é que dá vontade de comer.
   São muito duras; recheio que nem de longe tem o sabor indicado; talvez esse mesmo recheio pareça que foi feito só de açucar; ou ainda se o biscoito for muito branco.
    São exemplos: Bolachas Bruxinha (essa, com uma certeza de 99.9999% eu nunca irei de comprar o segundo pacote. Comprei uma - por R$ 1.00 - um roubo!!!! - e constatei que tem que ter dentes muito bons para comê-la. Vai ser dura assim na casa do chapéu!!!!!!!!!

Edgar 12Mar2005 - 18:38

postado por 166 as 12:51:18 # 0 comentários
SÓ NA VONTADE...

POLÍCIA MILITAR DE GOIÁS.

CONHEÇA, ESCUTE E   CANTE O HINO    


postado por 166 as 12:46:47 # 0 comentários
SACANAGEM!!!!!!!

   Depois de deixar passar a minha oportunidade de ter entrado na POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE GOIÁS, agora saíu outro concurso, más a idade máxima é de 28 anos e eu tenho 29. Grande sacanagem pois todos os outros Estados aumentaram a faixa etária, menos Goiás.
   Eu já estava me vendo dentro daquela farda cinza, o que era - e ainda é - o meu sonho: ser um...
POLICIAL MILITAR

postado por 166 as 12:39:30 # 0 comentários
COLOCANDO OS BOFES PARA FORA!!!

   Hoje quase que eu dei um piripaque de tanto cansaço ao correr do Eixo (107 N) até o Uniceub, na 907 N. Fui fazer o concurso do metrô e como já não bastasse eu sair de casa em cima da hora e ainda por cima pegar um ônibus do eixo - pois é praticamente impossível passar um W3 aos domingos -, quase perto do posto rodoviário, no colorado, as pistas estavam interditadas nos dois sentidos, pois havia acabado de acontecer um grave acidente e os bombeiros estavam resgatando a vítima enquanto o helicóptero pousava para leva-la ao hospital.

   Olhei para o relógio, 13:25. A prova começaria ás 14:00 horas e pelo jeito, sem o meu comparecimento - aliás, sem o de muitos que também estavam naquela angustiante situação.

   O motorista já estava fazendo um desvio quando a pista foi liberada, e rodas para que te quero!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Faltando exatamente 5 minutos para as 14:00 desci na parada do eixo, e alí iria começar uma sessão de tortura.....

   Estou muito fora de forma, peso 94Kg - para quem à um ano e meio estava com 84Kg.... Fui correndo e o corpo pedindo arrego!!!! Minha nossa senhora, como o meu corpo começou a doer!!!! Mas era o jeito correr para não perder a prova.

   Parecia que eu tinha levado uns 200 socos no estômago, de tanto que doía...
   A boca cada vez secava mais, estava para dar um treco quando cheguei no portão, e qual não foi a minha tristeza ao saber que a minha entrada estava ainda à uns vinte metros adiante!!!!!
   Eram mais de 14:00 e lá fui eu, quase que me arrastando, pois nâo tinha mais condições de correr, estava quase que literalmente entrevado. Tudo estava em frangalhos, pensei que iria desmaiar!!!
   Consegui entrar, descansei um pouco - o meu corpo tremia todo - e fui ao banheiro lavar o meu rosto - que estava pegando fogo - e beber água.

postado por 166 as 12:26:51 # 0 comentários
domingo, 30 outubro, 2005
UMA ETAPA DA MINHA VIDA QUE EU NUNCA ESQUECEREI.

       De todos os trabalhos que tive o que mais me deixou lembranças foi o da Coperbrás.
   Foram 3 anos e 7 meses naquele local, embalando ovos e depois, no escritório.
   Eu tinha até começado a contar toda aminha saga naquela empresa, desde o momento do convite que tive pelo meu vizinho, que já trabalhava lá, até o último serviço prestado,
antes dela ser arrendada para a granja Saito.

 coper.gif (1388 bytes)                

                                                              coper.gif (1388 bytes)

Núcleo Rural de Tabatinga Planaltina - Distrito Federal.




Atividades Agrícolas

   Agricultura intensiva de milho, soja, avicultura de postura, suinocultura, armazenadora de grãos com capacidade para   secagem de 100 toneladas/hora e 15.000 ton/armazenamento.




coper1.jpg (5097 bytes)

 Vista central do complexo agropecuário 

Destacando-se fábrica de ração, residências de funcionários, central de armazenamento de grãos, unidade de processamento de ovos,creche e prédio da administração.




coper3.jpg (5807 bytes)

         Entreposto de ovos         

Responsável pela produção de parte de nosso consumo de proteínas.




coper2.jpg (6218 bytes)

Primeiro projeto integrado de Avicultura de postura do Planalto-Central

Mais de 1.000.000 de aves em postura.




coper4.jpg (8250 bytes)

Lavoura de soja

Responsável pela produção de parte de nosso consumo de proteínas.




coper5.jpg (4658 bytes)

Lavoura de milho

Nossas lavouras de milho em plantio direto efetivam nossa tecnologia agroindustrial.

EDGAR 5/01/2005


postado por 166 as 06:28:50 # 1 comentários
É VERDADE

14/07/2005
VÁ TRABALHAR, VAGABUNDO!!!!



postado por 166 as 08:38:27 # 9 comentários
OH! E AGORA, QUEM PODERÁ ME AJUDAR?

"VOCÊ ESTÁ DEMITIDO."

EDGAR 07/01/2005 às 23h57


postado por 166 as 01:34:04 # 0 comentários
CALA A BOCA, MÁGDA!!!!!

   Nessa vida a gente tem que ouvir cada coisa....
   Hoje levei o meu cachorro na veterinária e lá chegando já estavam outros "pacientes" à espera. Foi então nesse momento que uma mulher, dona de uma cadelinha, disse à Doutora: "Depois irei trazer minha cachorra para a senhora dar banho e... PODAR (??????)
   HA, HA, HA, HA, HA.............................................
   Será que raça de cachorro é a dela? Pastor jamelão? Vira-mangueira? Pincher samambaia?Ou quem sabe um Pittibull laranjeira?
   Talvez ela esteja certa e levaria o seu cachorro para PODAR os braços e as pernas!!!!
   Por isso eu digo e repito: CALA A BOCA, MÁGDA!!!!!!!
EDGAR às 23h55

postado por 166 as 01:28:52 # 0 comentários
A FAMÍLIA REUNIDA E EU COM AS MINHAS DIVAGAÇÕES...

   Hoje todos da família da minha namorada se reuniram para um almoço.

   Todos alegres, conversando, casa cheia... Comida era o que não faltava. 

   Muitos até fizeram uma marmitinha para o dia seguinte, como foi o meu caso, pois irei trabalhar amanhã.

   Depois veio a sobremesa: Bolo prestígio, pavê, musse de limão (que estava um pouco azedo), frutas...

   Mais tarde, o Zé trouxe uma bacia grande, cheia de sorvete com cobertura... 

   Aos poucos foram indo embora e é aí que começam as minhas divagações repletas de saudosismo. A casa fica um silêncio danado e fico pensando na vida de cada um daqueles que lá estiveram.   

   É uma coisa difícil para explicar...  

   E segunda-feira começa tudo de novo....

EDGAR às 22h07

postado por 166 as 01:24:42 # 0 comentários
ADEUS ANO VELHO, FELIZ ANO NOVO!!!!!!!

   Já estamos em 2005!!! Mais um ano que se inicia e a vida continua. Acabei de chegar da casa da minha cunhada, onde nos reunimos para festejar-mos a virada do ano.
   Foi legal, estava mesmo só algumas pessoas da família da minha namorada. A mesa estava bem preparada, com frutas, doces, jantar e sobremessa.
   Antes de comer-mos assistimos um DVD do Senhor do anéis - bom,eu mais pesquei tubarão do que prestei atenção no filme (que por sinal estava chato pra caramba).
   A minha passagem de ano se resume nisso, nada de bagunça.

EDGAR às 01h23

postado por 166 as 01:21:16 # 0 comentários
QUEM É VIVO SEMPRE APARECE

    Muito bem pessoal, depois de um longo e tenebroso inverno, voltei para dar-mos continuidade a esse meu espaço da internet sendo que os motivos que me levara,m a deixar de postar foram tantos...

   CLARO QUE UMA PARTE DISSO TUDO FOI DEVIDO À PREGUIÇA, DEPOIS O FATO DE TER ME ESQUECIDO A SENHA DO BLOG.

   TANTAS COISAS ACONTECERAM DURANTE TODO ESSE TEMPO EM QUE FIQUEI DESBLOGADO .
  
   Agora eu estou um pouco mais tranquilo para acessear a web, pois o meu computador  recebeu uma injeção de memória RAM e agora está mais veloz.

   Desde que eu entrei na web pela 1ª vez, o melhor blog que jálí, e com ele me identifiquei prá caramba, foi o Palhaço de Deus. É o relato de um cara que é extremamente apaixonado por uma colega de trabalho, mas só que ele descobre que a sua amada não é aquilo que ele imaginava, contudo mesmo assim a sua paixão por ela fala mais alto, iniciando aí uma briga entre a razão e a emoção. 

   Vale a pena conferir!!!!

EDGAR 15h34 de 08/08/2005

postado por 166 as 12:37:19 # 1 comentários
 
Esses eu recomendo
"EU SEI, MAS EU TÔ FALANDO."
mais...

adicionar aos meus favoritos


Olha o que eu já falei
Eu pensei que jamais voltaria aqui....!!!!
Ano novo...
NÓS ÉRAMOS FELIZES E NÃO SABÍAMOS!
AO AMIGO DISTANTE
FESTA E SAUDADE
DANDO UMA DE ESCRITOR
********************
EXCESSO DE PAGAMENTO
MADRUGADA FRIA
"A SEGURANÇA DO BRASIL EM NOSSAS MÃOS."

6271 já passaram por aqui

CRIAR BLOG GRATIS   
..