Aulas de Fisioterapia
Estrutura Vertebral

FLEXÃO:

      A vértebra suprajacente desloca-se verticalmente para cima e realiza uma báscula para frente a nível das facetas articulares. O anel fibroso estará comprimido anteriormente e o núcleo pulposo tende a deslocar-se para a parte posterior do corpo da vértebra. Os processos espinhosos e transversos encontram-se afastados, de modo que os músculos e os ligamentos supra-espinhal, interespinhal, amarelo e longitudinal posterior estarão tensos. o ligamento longitudinal anterior e os músculos anteriores estarão frouxos.

EXTENSÃO:

      A vértebra suprajacente desloca-se verticalmente para baixo e realiza uma báscula para trás a nível das facetas articulares. O anel fibroso estará comprimido em sua porção posterior fazendo com que o núcleo pulposo dirija-se para a parte anterior do corpo. Os processos espinhosos constituem uma barreira anatômica para a hiperextensão da coluna vertebral, logo os músculos e os ligamentos posteriores (supra-espinhal, interespinhal, amarelo e longitudinal posterior) encontram-se frouxos, enquanto o ligamento longitudinal anterior estará tenso.

INCLINAÇÃO LATERAL:

      Primeiramente a vértebra suprajacente realiza uma inclinação lateral. Para aumentar o grau de amplitude, há uma rotação automática da vértebra suprajacente para o lado oposto ao da inclinação. As fibras dos ligamentos que se encontram do lado da inclinação estarão frouxas e as contra-laterais estarão tensas. O anel fibroso estará comprimido do lado da inclinação e o núcleo pulposo tenderá a deslocar-se para o lado oposto do movimento.

postado por 23781 em 04:56:53 :

0 comentários:Comente este post!
CRIAR BLOG GRATIS   
..