A CIDADE DO SALVADOR
A CIDADE DO SALVADOR
quarta, 26 março, 2014
PEDOFILIA OU ABUSO SEXUAL ?

PEDOFILIA OU ABUSO SEXUAL?

Por José Joaquim

Pedofilia é um desvio sexual em que a pessoa tem necessidade de se excitar ou relacionar com menores ou coisas ligadas a eles (brinquedos, roupas, fotos, etc).
Tendo com atores principais, padastro, (esse aí é o campeão) tio, padrinho, vizinho, colega maior, amigo dos pais e etc.


O que caracteriza o tipo penal é a produção, difusão ou acesso a conteúdo erótico envolvendo menores ou a sedução ou violência sexual praticada com menores.
Uma pessoa que pratica um ato sexual com uma criança é, apesar de todas as definições médicas, comumente assumido e descrito como sendo um pedófilo. Porém, existem outras razões que podem levar ao ato tais como estresse, problemas no casamento, ou a falta de um parceiro adulto, tal como o estupro de pessoas adultas pode ter razões não-sexuais. Por isto, somente o abuso sexual de crianças pode indicar ou não que um abusador é um pedófilo. A maioria dos abusadores em fato não possuem um interesse sexual voltado primariamente para crianças.


Certos pedófilos mantêm uma relação estável com as suas vitimas, que se justifica normalmente pelo atraso mental que as crianças sofrem. Como está descrito no livro em que eu tive a oportunidade de dar uma olhada, 'Pedófilia Incestuosa' escrito pelos peritos americanos Fredcrich Burnay e Beatrisse Ferreira os pedófilos ao tendo relações com os seus parentes sentem "um nível de poder e subjugação que para eles justifica o acto em si". Estima-se que apenas entre 2% a 10% das pessoas que praticaram atos de natureza sexual em crianças sejam pedófilos, tais pessoas são chamadas de pedófilos estruturados, fixados ou preferenciais. Abusadores que não atendem aos critérios regulares de diagnóstico da pedofilia são chamados de abusadores oportunos, regressivos ou situacionais. Um estudo de Abel, G. G, Mittleman, M. S, e Becker, J. V observou que existem geralmente claras distinções características entre abusadores oportunistas e pedófilos estruturados. Abusadores oportunistas tendem a cometer abuso sexual contra crianças em períodos de estresse, possuem poucas vítimas, geralmente, pertencentes à própria família, possuem menos probabilidade de abusar sexualmente de crianças, e possuem preferência sexual para adultos. Abusadores pedófilos, por outro lado, geralmente começam a cometer atos de natureza sexual a crianças em tenra idade, muitas vezes possuem um grande número de menores que são frequentemente extra familiares, cometem mais abusos sexuais com crianças, e possuem valores ou crenças que suportam fortemente um estilo de vida voltado ao abuso. No caso de incesto entre pais e filhos, acredita-se que a maioria dos abusos envolve pais que são abusadores oportunistas, ao invés de pedófilos.


Uma característica muito marcante no ato do abuso sexual, é quando ocorre o ato sexual ou caricias, entre pessoas de sexo diferente, ou de mesmo sexo, sem que haja consentimento de uma das partes envolvidas ou em troca de favores. Chamamos de agente abusador aquele que já possui experiência e, visa obter sua satisfação sexual.

O abuso sexual ocorre geralmente com crianças e adolescentes, através de ameaças, violência física e, até através de convencimento. São diversas as artimanhas utilizadas pelos abusadores, alguns chegam a “pagar” crianças e adolescentes com balinha ou dinheiro para que em troca possam manter relações sexuais com a mesma.

As formas de abuso sexual são várias, o que irá variar é o que o agente abusador tem em mente como, por exemplo, apenas tocar em certas partes do corpo, fazer certas carícias, beijar, fazer sexo anal, sexo vaginal, ou apenas observar a pessoa se trocando de roupa ou tomando banho, e até mesmo praticar o que chamamos de exibicionismo, onde a pessoa expõe seus órgãos a suas vítimas. A maioria dos abusadores são pessoas de convívio familiar, pais, irmãos, tios, padrastos, padrinhos, entre outros.


O abuso sexual resulta em uma série de problemas físicos e psicológicos nas vítimas como, por exemplo, aversão a parceiros do mesmo sexo que o abusador, sexualidade descontrolada, torna-se uma pessoa insegura, deprimida, descontrolada, entre outros. Em muitos casos, as mães têm consciência de que seu (sua) filho (a) está sofrendo de abuso sexual, mas simplesmente fingem não ver. As crianças por terem medo do abusador não falam que sofreram abuso sexual, resultando em impunidade e, em alguns casos, o abuso continua.
Olha aí !! Pais e mães, fiquem espertos quanto aos movimentos dos seus filhos. Com quem estão, para aonde vão e quem deu presente, por quê e para quê.


Também é bom frisar, que as mães também tem muita parcela de culpabilidade sabem porquê? Simplesmente permitem que suas filhinhas que ainda nem brotaram seios direito, se trajem de maneira indecorosa com roupas que provoquem a vontade do tarado que sempre está insaciável e prontinho para ataca-las.
Depois, querem colocar tranca nova em porta caída....Já foi, já era. Nem a castração do bicho, irá amenizar a dor da família. E isso sem falar no trauma da criança ou adolescente abusada.
Isto é, quando esses bichos não executam suas vitimas temendo serem denunciados pelo crime.
É bom lembrar principalmente a você mãe que não ouve opinião do pai e acha que sabe e conhece todas as maldades do mundo, que a ocasião faz o ladrão.



Uma outra porta bem largona e aberta ao pedofilismo, são mães irresponsáveis cheias de fogo que vão para as curtições, bebedeiras, homens, drogas e outras parafernalhas e deixam seus filhos jogados em mãos desconhecidas pensando assim que eles vão ser bem cuidados. Aí é que acontece a tragédia.
Eu conheço uma pessoa irresposável ao extremo, que ainda não passou por uma dessa, graças a misericórdia de DEUS !
Amor ao filho, zero. Farrear com um canalha que se diz pai, que fez o filho e nem gosta dele, dez.



A Internet hoje se tornou um ambiente muito propício para os abusadores sexuais atraírem suas vítimas. Eles irão tentar conseguir informações específicas sobre seus filhos fazendo perguntas diretas sobre o que querem saber. Por exemplo, eles podem perguntar se seu filho pratica algum esporte ou se joga em algum time o que irá permitir que a conversa chegue até o ponto dele perguntar onde o seu filho costuma ir pra praticar esse esporte. Por fim eles irão tentar marcar um encontro. Os predadores na internet podem também enviar material pornográfico para o seu filho ou filha.

Promessas também de altos salários costumam convencer jovens adultos a se encontrarem com pessoas em lugares não muito seguros para serem 'entrevistados' onde eles podem acabar sofrendo abuso sexuais. Crianças mais jovens podem ser convencidas a prestarem serviços na casa do abusador sexual com a promessa de um bom pagamento, e podem também acabar sendo vítimas de abuso sexual.

Abusadores gostam de pedir informações a uma criança ou pedir que elas o ajudem a carregar pacotes e sacolas. Um abusador sexual condenado contou que ele gostava de ficar por perto dos banheiros de restaurantes e lanchonetes que servem lanches/refeições para crianças. Então ele abusava de garotos com a desculpa de ajudá-los com o zíper de suas calças. Outro tipo de auxilio , pode acontecer quando o abusador percebe que pode fazer o papel de uma pessoa que se dispõe a ajudar uma família com crianças. Sua ajuda pode ser necessária quando a família precisar de alguém para cuidar das crianças por um período, ou levá-las de carro para algumas de suas atividades diárias como escola, cursos. Preste atenção e tomem cuidado com pessoas que parecem estar mais interessadas em suas crianças do que você mesma, existe uma razão para isso.


O abusador sexual está sempre tentando levar uma criança para sair sozinha com ele para passeios especiais, excursões e insistem para que ninguém mais vá com eles. Um pediatra de Nova York que foi condenado por abusar sexualmente de muitos de seus pacientes, na ocasião em que os teria levado para um passeio de final de semana. Os pais confiavam nele porque ele era tido como um 'exemplo', um pilar de sua comunidade.


Pelo abusador é oferecida à família ajuda para ensinar a criança algum esporte, ou como tocar um instrumento musical, geralmente sem nenhum custo. Pais de todo os lugares do país (EUA) informaram que alguns dos abusadores sexuais trabalhavam como instrutores de auto escola.

E o truque da ameaça? As crianças podem ser ameaçadas para que colaborem e não falem nada depois. Uma vez que o abuso ocorreu, o abusador ameaçará a criança de contar aos seus pais e amigos. O abusador pode ameaçar a criança e forçá-la a recrutar outras criança.



Todos os pais normais e regrados perante a família e sociedade, querem proteger seus filhos contra predadores, mas como manter seus filhos seguros quando você não sabe identificar o perigo? Qualquer pessoa pode ser um pedófilo, portanto pode ser difícil identificar um, principalmente porque a maioria dos pedófilos inicialmente conquistam a confiança das crianças que sofrem o abuso. Continue lendo para saber a quais comportamentos e características você deve prestar atenção, quais situações deve evitar e como evitar que seus filhos sejam alvos



Então, por favor entendam que qualquer adulto pode ser um pedófilo.

Saibam também, que a maioria dos pedófilos são conhecidos pelas crianças que abusam

Os membros da família como os pais, avós, tios, primos, padrastos, entre outros também podem ser predadores sexuais.

Alguns também têm problemas mentais, como um distúrbio de humor ou personalidade

Os homens heterossexuais ou homossexuais podem ser pedófilos

A ideia de que os homossexuais têm mais tendência à pedofilia é um mito.

As mulheres pedófilas têm uma tendência maior de abusarem meninos do que meninas.

Os pedófilos tendem a falar sobre crianças como se estivessem falando sobre adultos. Eles podem fazer referência a uma criança como fariam a um amigo adulto ou companheiro.

Os pedófilos normalmente dizem que amam todas as crianças e sentem-se como se ainda fossem crianças.


O pedófilo normalmente passa por um processo por meio do qual ele conquista a confiança da criança, algumas vezes até a confiança dos pais

Alguns pedófilos procuram por crianças de pais solteiros, que não estão tão disponíveis para dar muita atenção.

Um molestador de crianças normalmente usará vários jogos, truques, atividades e linguagens para ganhar a confiança e/ou enganar a criança. Entre essas táticas estão: guardar segredos (os segredos são muito valiosos para a maioria das crianças, que sentem-se “adultas” e poderosas), jogos sexuais explícitos, carícias, beijos, toques, comportamentos sexualmente sugestivos, exposição da criança a materiais pornográficos, coerção, suborno, bajulação, e – o pior de todos – afeição e amor. Saiba que essas táticas são usadas basicamente para isolar e confundir a criança.

A melhor maneira de proteger seu filho contra pedófilos é estando o mais envolvido possível na vida de seu filho. Eles procurarão por uma criança vulnerável e que não recebe muita atenção dos pais. Apareça nos jogos, ensaios, excursões e passe algum tempo com os adultos que participam da vida de seu filho. Deixe claro que é um pai envolvido e presente.



Se não puder participar de uma viagem ou passeio, certifique-se de que pelo menos dois adultos que conhece bem serão os responsáveis.

Não deixe seu filho sozinho com adultos que não conhece bem. Até os parentes podem ser uma ameaça. O segredo é ficar o mais presente possível.

Em alguns momentos você não poderá estar presente, portanto use recursos para ter certeza de que seu filho estará seguro. Coloque uma câmera escondida para detectar qualquer atividade inadequada. Mesmo que conheça alguém muito bem, é melhor tomar determinadas precauções para a segurança de seu filho. 



Ensine seu filho sobre segurança na internet

Certifique-se de que seu filho saiba que nunca deve enviar fotos para uma pessoa que conheceu na internet, nem marcar encontros com essas pessoas.

Saiba que as crianças normalmente escondem coisas que fazem na internet, portanto você precisará ter muita atenção para manter-se informado.

Certifique-se de que seu filho sinta-se emocionalmente protegido

Demonstre interesse por todas as atividades de seu filho, como os trabalhos da escola, as atividades extracurriculares, os hobbies e outras coisas.

Faça com que seu filho saiba que pode contar qualquer coisa para você e que você sempre estará disposto a conversar.

Ensine seu filho a identificar toques inadequados



Ensine seu filho que ninguém deve tocá-lo em suas regiões íntimas. Muitos pais definem essas áreas como aquelas que devem ser cobertas pelas roupas de praia.

Diga para seu filho falar “não” e sair quando alguém tentar tocá-lo nessas áreas

Diga a seu filho para procurá-lo imediatamente se alguém tocá-lo de maneira inadequada.

Nunca descarte o que seu filho disser, mesmo que o adulto em questão seja um membro confiável da sociedade ou parecer incapaz de fazer algo assim. Isso é exatamente o que o molestador quer.

Lembre-se, se uma criança parecer isolada ou chateada, ela pode tornar-se um alvo muito fácil para um molestador. Pergunte sobre a vida escolar de seu filho e descubra quem são seus amigos. Se ele não tiver amigos, ajude-o a mudar isso.


Isso não significa que ninguém deve ter compaixão pelo molestador chegando a ponto de se fazer justiça com as próprias mãos. Simplesmente significa que sempre devemos estar atentos fracassos da sociedade e devemos lutar para corrigir esses problemas sempre, prestando muita atenção a nossos filhos e mantendo uma comunicação aberta.
Por isso, Ensinem isso para todas as crianças que você conhece. Passe a informação adiante para aqueles que precisam ouvir sobre isso. Protejam nossas crianças.......





JOSÉ JOAQUIM SANTOS SILVA

jjsound45@hotmail.com
jjsound45@gmail.com





postado por A Cidade do Salvador as 10:55:20




0 comentários:
Comente este post
Início
Perfil
jjsound45
Meu Perfil

Meus Links
Blog Grátis
Criar Blog
Manta Absorvente de Óleo
Hoteis

Palavras-Chave
PEDOFILIA

Favoritos
Não há favoritos.

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
O TÚNEL DO TERROR
COISAS DE BOIOLA !!!!
A PASSARELA DO CRACK!
A MÁFIA DO MENSALÃO
COCAINA NAS ESTRADAS A PAIXÃO DE MUITOS CAMIONEIROS
SER MÃE É .....
CRACK É O LIXO DA COCAINA
LEIS PARA RICOS E POLÍTICOS
Técnico da seleção do Brasil, Mano Menezes, critica Campeonato Baiano
O HOMEM FEIO ESTÁ NA MODA

Arquivos
2014, 01 julho
2014, 01 março
2012, 01 abril
2012, 01 março
2012, 01 janeiro
2011, 01 novembro
2011, 01 outubro
2011, 01 julho
2011, 01 fevereiro
2010, 01 novembro
2010, 01 agosto
2010, 01 julho
2010, 01 junho
2010, 01 março
2010, 01 fevereiro
2009, 01 dezembro
2009, 01 novembro
2009, 01 outubro
2009, 01 setembro
2009, 01 agosto
2009, 01 julho
2009, 01 junho
2009, 01 maio
2009, 01 janeiro
2008, 01 dezembro
2008, 01 agosto
2008, 01 julho
2008, 01 junho
2008, 01 maio
2008, 01 abril
2008, 01 março
2008, 01 fevereiro
2008, 01 janeiro
2007, 01 dezembro
2007, 01 novembro
2007, 01 outubro
2007, 01 janeiro

19053 acessos


CRIAR BLOG GRATIS   
..