TEXTOS JORNALÍSTICOS E POEMAS
TEXTOS JORNALÍSTICOS E POEMAS
domingo, 20 julho, 2008
TEUS LÁBIOS

Teus lábios vermelhos desnudos
Lembram-me o pulsar da vida
O delírio de um gozo sem freios
Como um galope solto em planície vasta.

Teus lábios, ainda que mudos
Seduzem-me tal qual uma maçã proibida
Chamam-me para um poço de mil desejos
Atraem-me para uma cortante vergasta.

Teus lábios, precipício iminente
Fonte de energia fluente e inesgotável
Dínamo de um prazer irreverente

Teus lábios, este sonho de carmim quente
Parecem uma vivaz arca de êxtase inefável
Mas fugidios como a maré que se quebra no batente.


postado por 81534 as 07:00:04




0 comentários:
Comente este post
Início
Perfil
81534
Meu Perfil

Meus Links
Blog Grátis
Criar Blog
Manta Absorvente de Óleo
Hoteis

Palavras-Chave
Gozo
Desejos
Êxtase
Irreverente

Favoritos
TEXTOS JORNALÍSTICOS E POEMAS
mais...

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
POEMAS QUE CHORAM
LEMBRANÇAS DE MAURÍCIO
O GRITO (POEMA)
DEUS MUTANTE (POEMA)
O NAMORO DO SOL COM A CHUVA (POEMA)
JARDIM DE ILUSÕES (POEMA)
OSMOSE (POEMA)
QUEM SOU EU (POEMA)
PREDESTINAÇÃO
O ESTRESSE BOM E O ESTRESSE MAU

Arquivos
2009, 01 julho
2009, 01 março
2008, 01 julho
2008, 01 junho
2008, 01 maio
2008, 01 abril
2008, 01 março
2008, 01 fevereiro
2008, 01 janeiro
2007, 01 dezembro
2007, 01 novembro

24986 acessos


CRIAR BLOG GRATIS   
..