Matematica e Meio Ambiente
Matematica e Meio Ambiente
16/05/2008
3. INVESTIGAÇÃO MATEMÁTICA (2ª PARTE)

9. RESULTADOS OBTIDOS:

9.1. DIFERENCIAÇÃO ENTRE POPULAÇÃO E AMOSTRA:

9.1.1. POPULAÇÃO: Representada por um grupo ou conjunto de elementos com determinada característica em comum. Neste caso, considerou-se a vegetação remanescente de Mata Atlântica existente no Parque de Pituaçu.

9.1.2. AMOSTRA: Subconjunto de uma população por meio da qual se estabelecem ou estimam as propriedades características dessa população. Neste caso, considerou-se a vegetação existente na área de 300m2, onde foram obtidos os resultados.

9.2. ORGANIZAÇÃO DOS DADOS:

A seguir estão apresentados os resultados obtidos aleatoriamente a partir da amostra de 40 dos diâmetros (DAP em cm) de 40 espécies vegetal encontradas no Parque de Pituaçu.

16      30      33      15      25     30     15     10     08     12

25      40      35      16      18     21     17     16     12     07

08      16      45      45      29     07     15     08     07     18

09      38      35      26      43     49     36     21     15     31

9.2.1.ORGANIZAÇÃO DOS DADOS EM TABELAS DE DISTRIBUIÇÃO DE FREQUÊNCIA.

Utilizando cinco classes de intervalo, todas com a amplitude de 10 cm, tornou-se possível agrupar os dados referentes aos DAPs obtidos:



CLASSES  | FREQUÊNCIA | FREQUÊNCIA  | PORCENTAGEM

   (cm)              ABSOLUTA      RELATIVA

01 à 10           7              0,175                17,5%

01 à 10           7              0,175                17,5%

10 à 20         14              0,35                  35,0%

20 à 30           6              0,15                  15,0%

30 à 40           8              0,2                    20,0%

40 à 50           5              0,125                12,5%

TOTAL           40               1                     100,0%



9.3. CÁLCULO DAS MEDIDAS DE TENDÊNCIA CENTRAL:

As medidas de tendência central são utilizadas para que seja observada a distribuição dos valores ou dados de uma variável quantitativa. Elas têm como objetivo concentrar em um único número os diversos valores de uma variável qualitativa. São elas: média aritmética, mediana e moda.

9.3.1. Média Aritmética: Representa o quociente da divisão da soma dos valores da variável pelo numero deles. Caracteriza então, a medida de posição que possui a maior estabilidade.

9.3.2. Mediana: Define-se com o sendo o número que se encontra no centro de uma série de números, estando estes dispostos em certa ordem. È utilizada quando se deseja obter o ponto que divide a distribuição em partes iguais.

Considerando que a pesquisa utilizou um número par de dados, neste caso 40, a mediana foi obtida tomando-se por base a média aritmética dos dois valores centrais da distribuição.

Distribuição dos valores dos diâmetros em ordem crescente:

07   07   07   08   08   08   09   10   12   12   15   15   15   15   16   16   16   16   17   18

18   21   21   25   25   26   29   30   30   31   33   35   35   36   38   40   43   45   45   49

9.3.3. Moda: Corresponde ao valor que ocorre com maior freqüência em uma distribuição de dados. Assim, de acordo com a distribuição dos valores obtidos com os diâmetros das plantas apresentados anteriormente, conclui-se que a distribuição apresenta duas modas, ou seja, é bimodal.



postado por 78002 as 10:42:16 #
0 Comentários

Comente este post!   |    <<< Voltar para Início

 
78002
Meu Perfil

Links
SOSMataAtlântica
IBAMA
SóMatemática
Matemática

Palavras-Chave
ESTATISTICA
MEIO
AMBIENTE
MATEMATICA

Favoritos
Matematica e Meio Ambiente
mais...

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
3. INVESTIGAÇÃO MATEMÁTICA (3ª PARTE)
3. INVESTIGAÇÃO MATEMÁTICA (4ª PARTE)
Poluição atmosférica
Gás Carbônico na Atmosfera
Produção de lixo
A vida útil do plastico
Aquecimento Global 2
Água
REDUÇÃO DA CAMADA DE OZÔNIO
EXPLOSÃO POPULACIONAL

Arquivos

40574 acessos
CRIAR BLOG GRATIS   
..