O Cálice
O Cálice
sexta, 19 outubro, 2007
Visões da Lua.


Visões da Lua.

De onde estou,

Aqui tão distante,

Também escrevo,

Também penso,

Também choro(...).

Vejo tua vida,

Aqui de cima,

Parecendo-me exaustiva,

Essa sina dos terráqueos.

Aqui  no topo da lua,

Tão perto das estrelas,

Tenho cometas no meu quintal,

E o sol,

Luz dos teus caminhos,

É meu vizinho!.

E,

Você ai embaixo(...),

Com tanta gente,

e mesmo assim,

também sempre sozinha.

Ainda desço,

Montando em uma estrela cadente,

Trazendo-te por presente,

Teus desejos de amor,

Tirando do teu peito toda essa dor.

Trarei,

Um punhado de pó destas estrelas,

Para pôr brilho nos teus cabelos,

E os anéis de saturno,

Nos teus dedos.

E assim,

Conduzirei o meu plano de invasão,

Destruindo seu velho mundo,

Conquistando – te com ternura,

Enchendo teu coração, com minha lua.

Thiago Henrique.


postado por 76632 as 04:11:37 #
1 Comentários

Larissa:
Gostei, gostei!
:D
01/12/2007 00:37:34

Comente este post! | <<< Voltar para Início

Perfil
76632
Meu Perfil

Links
Poeta Vagabundo
Blog L'Engagement
Uma Luz Na Minha Estrada
Caminhos Que Me Levam
L'Engagement, poesia para todos

Palavras-Chave
Lua
coração
estrelas

Favoritos
O Cálice
mais...

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
O Tempo.
Distâncias.
Quadros.
CAOS.
Epístola dos Insanos aos Homens.
Na cama com a Morte.
Supremo Milagre.
Cálice de Lágrimas.

Arquivos
2007, 01 dezembro
2007, 01 novembro
2007, 01 outubro

1973 acessos
CRIAR BLOG GRATIS   
..