peladao
peladao
terça, 30 janeiro, 2007
A prova que Deus não é brasileiro e muito menos gosta de seres humanos


Poucas coisas irritam mais que formigas. São seres que testam seus limites. elas são mais invasivas que telefonemas de madrugada dos seus amigos bêbados. Incomodam muito mais que uma tarde de estudo do seu vizinho que resolveu tocar saxofone. Caminham por todas as partes da casa. Não perdoam seu esquecimento em guardar qualquer coisas comestível na geladeira e fazem você perder preciosos minutos de uma vida curta tentando achar uma solução para ter um pote de mel em casa que possa ser usado mais de uma vez antes de virar um formigueiro. Aqui em Manaus, esse lugar nem um pouco abençoado por Deus e quiça bonito por natureza (embora eu nunca tenha visto sinal de beleza há menos de 1000 km e de dentro do avião) elas conseguiriam se aperfeiçoar na arte de encher o saco a ponto de me fazer preferir mil vezes assistir o Super Pop do que viver perto delas caso pudesse optar.
Fiquei todo feliz quando coloquei o pote de mel dentro de uma vasilha com água. Foi uma semana muito bacana poder comer mel várias vezes sem dizer nenhum "Fiiilha da puta" e começar a afogar essas merdas na água da torneira. Eu disse uma semana feliz porque acordei no oitavo dia e dei de cara com o pote de mel cheio dessas mini sergios malandro. Isso primeiro me irritou profundamente e depois me levou a pensar a manhã inteira em como esses equivocos da natureza chegaram até o pote. Nem precisei pensar muito, na hora do almoço eu mesmo assisti uma dessas causadoras de mau humor nadando. Sim, nadando até o pote. Apelamos pra uma travessa com o pote no meio de um oceano do ponto de vista formigal. Uma formiga precisaria ser o equivalente a um medalhista olímpico de natação para chegar ao pote. Bom, elas precisaram de apenas dois dias pra chegar ao pote. Agora estou num dilema. Não sei se encho a banheira e coloco o pote de mel boiando lá ou se crio uma espécie de cortina de fogo em torno do pote de mel. Essa segunda opção eu descartei só pra não correr o risco de ver as inacreditáveis formigas amazonenses cruzarem o fogo  com algum tipo de motocicleta que elas pudessem desenvolver ou protagonizar qualquer outra cena de filme que se eu visse na tv iria me fazer criticar o roteirista por umas duas horas. Eu sei que a existência das formigas e dos pernilongos provam que Deus não existe. E  se existe não simpatiza nenhum pouco com os humanos.

postado por 36992 as 12:41:40 #
3 Comentários

leo bastos:
sinistro..
27/02/2007 18:21:31  

jessika:
Nossa senhora... Formiga que nada? Nunca vi nada igual...
Nadadora olímpica...
Credo!
05/02/2007 21:54:41  

LuLu:
KKKKKKKKKKKKKKKKK.....
Demais companheiro!! Compactuo em gênero, número e grau com seu ódio mortal dessas porras de animaizinhas idiotas! O pior é que elas são subestimadas pois causam tanto mal e transmitem tantas doenças quanto outros insetos muito mais vigiados, como as baratas, por exemplo, e ninguém se preocupa.
Bom.. uma simpatia que deu certo aqui em casa: esfregue borra de café na "saída" da toca delas, ou em torno dos lugares onde queira mantê-las afastadas. Funciona por alguns dias.
Tem outra: Tem um giz específico pra formigas que é vendido em lojas de produtos veterinários ou agrícolas. Não é pra sempre também.
Nem adianta achar que está livre delas ao sair da sucursal-norte do inferno.. elas estão em todo lugar!
04/02/2007 18:37:17  

Comente este post!   |    <<< Voltar para Início

 
Perfil
36992
Meu Perfil

Links
Blog Grátis
Hoteis

Palavras-Chave
formigas
idiotas
irritação

Favoritos

mais...

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
O Império bundal
Natal de cu é rola
Pé no saco
A boate
E por aí vai
A ausência de sutileza sempre me incomodou.
Richard Hell
Pai bimestral
Você sabia?
a voz do medo

Arquivos
2007, 01 março
2007, 01 fevereiro
2007, 01 janeiro
2006, 01 dezembro
2006, 01 novembro
2006, 01 outubro
2006, 01 setembro

7175 acessos
CRIAR BLOG GRATIS   
..