SILVA LEMES E PARENTES
SILVA LEMES E PARENTES

quinta, 01 novembro, 2007
RUUD LEM, AUTOR DA GENEALOGIA LEMNIANA VEM AO BRASIL.

EM JANEIRO DE 2008 ESTARÁ NO BRASIL O SR RUUD LEM, QUE COM WIL LEM, PUBLICARAM A OBRA GENEALOGIA LEMNIANA, TRABALHO ORIGINAL DE PIET LEM, PAI DE RUUD QUE TRATA DOS PRIMEIROS LEM ORIGINÁRIOS DA BÉLGICA, HOLANDA E COM PRESENÇA NA ALEMANHA E FRANÇA, ALÉM DOS DESCENDENTES DE MAARTEN LEM (OU MARTIN LEM), OS LEMES DO BRASIL E PORTUGAL

Um pouco da história para que se entenda o motivo da visita de Ruud Lem:

Esse estudioso da genealogia dos Lem(s) Leme(s) fará uma turnê pelo Estado de S.Paulo e Sul de Minas, locais onde se concentram os descendentes da clã Lemes, da qual descendia Fernão Dias Paes (Leme) e diversos bandeirantes. Nessas regiões existem milhares, se não for milhões, de descendentes que conservaram o sobrenome Leme ou Lemes, além daqueles que não herdaram o apelido da família.

Os Lemes do Brasil, conforme podemos confirmar, descendem do belga Maarten Lem, originário de Bruges, cidade importante da antiga Flandes, uma  antiga e medieval cidade fundada pelos Vikings e depois tomada pelos franceses, espanhóis e finalmente administrada pelos descendentes dos primeiros habitantes de origem germânica.

Devido a importância que Bruges assumiu no fim do século XVI, as relações comerciais com Portugal tornaram-se cada vez mais fortes. Por causa disso Maarten lem (ou Martin Lems) acabou se mudando temporariamente para Lisboa onde com Joana de Barros (ou Barroso) deram início a clã portuguesa da família flamenga.

Desse casal descende outro Martim Leme que veio a ser o pai de Antônio Leme que casado com a nobre Catharina de Barros, na Ilha da Madeira geraram os primeiros Leme que vieram para o Brasil.

Os Lemes chegaram a S.Vicente e assumiram os negócios do Engenho de São Jorge dos Erasmos, considerado pelos estudiosos de economia como uma das primeiras multinacionais do mundo pela mão de Erasmus Schets, um dos homens mais ricos do início do Século XVI.

Devido a constantes ataques de corsários e o investimento em outras áreas, a companhia de Schets praticamente abandonara o negócio no Brasil. 

Braz Esteves, genro de Pedro Leme, então assumiu os negócios do cultivo da cana e produção de açucar que mais tarde foi passado para o seu filho Braz Estves Leme, considerado o "Patriarca da Família Leme em S.Paulo."

Descendentes de Braz Esteves Leme se espalharam pelo planalto paulista, Vale do Paraíba e desses lugares para o Sul de Minas.

Hoje não é dificil achar um estudo genealógico de famílias do sul e sudeste do Brasil que não tenha alguma ligação com a originária família Leme descendente dos Lem de Bruges.

Observação: Se você quer saber mais clique num dos posters elencados na lateral direita desta página.



postado por 52876 as 10:20:38
0 comentários:

Comente este post
Início
Perfil
52876
Meu Perfil

Meus Links
Hotéis no Brasil
DNS Grátis
Blog Grátis
Criar Blog
DNS Grátis
Blog Grátis
Hoteis

Palavras-Chave
>> genealogista
>> belga
>> Família
>> Lem
>> qual
>> originou
>> Lemes
>> Brasil

Favoritos
Não há favoritos.

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
cambuquira

Posts Anteriores
>> Falece mais um neto de Capitão Cláudio Amâncio da Silva Lemes
>> APELIDOS QUE VIRARAM SOBRENOMES.
>> Os Germanos
>> LEOPOLDO LUDOVICO LEMES E JOAQUIM DA SILVA LEMES
>> MINHA BISA QUE NÃO CONHECI

Arquivos
2008, 01 junho
2008, 01 janeiro
2007, 01 novembro
2007, 01 abril
2007, 01 março

5974 acessos
CRIAR BLOG GRATIS   
..