Suite das Letras
Suite das Letras
sexta, 18 setembro, 2009
Poesia na Rede

                                                  Lecy Pereira

 

 

O livro “Poesia na Praça Sete 1ª e 2ª edição” passa, literalmente, a rede na cidade de Belo Horizonte em busca daquelas pessoas que vertem lirismo, encanto ou desencanto além da selva de pedra, através da poesia.

 O projeto que tem como empreendedor o atuante poeta Rogério Salgado apoiado por Lei de Incentivo à Cultura, Fundação Municipal de Cultura e Prefeitura de Belo Horizonte coloca em plena Praça Sete poetas que já possuem um trabalho bem divulgado e reconhecido e outros que aspiram a uma trajetória poética.

 Desde o início do Projeto já passaram pela praça poetas , poetisas e artistas como Tânia Diniz, Lívia Tucci, Terezinha Romão, Luiz Edmundo Alves, Ricardo Evangelista, Wilmar Silva, Jackson Abacatu, Marco Llobus, Rogério Salgado, Virgilene Araújo, Rodrigo Starling entre outros tantos cujas perfomances podem ser conferidas no site www.poesianapracasete.com

Dentro do Projeto a poetisa Virgilene Araújo desenvolve a “Aula Pública de Poesia” onde qualquer pessoa, indistintamente, pode manifestar em público aquele talento poético recolhido pela timidez ou pela falta de oportunidade num mundo de correrias, responsabilidades múltiplas e compromissos inadiáveis.

Abaixo, dois poemas que dão bem o tom desse livro que pode ser lido até dentro do metrô ou do ônibus urbano de tão envolvente. Internautas interessados no livro devem enviar e-mail para pracasetepoesia@yahoo.com.br :

Poesia na Praça Sete

Palavras jorram nas calçadas

   Desviam-se dos ralos e

Escorrem para a história

Na boca do povo

A comunhão verbal

Servida numa ceia

Regada a vinho e democracia

Rogério Salgado & Virgilene Araújo

---------------------------------------------------------------------------

Retrato

Pra mim

Fotografar um palhaço

É terrível

Ver o homem

Não ver a criança

Pra mim

Fotografar um palhaço

Foi terrível

Ver a maquilagem

Não me ver criança

Pra mim

É terrível

Fotografar um palhaço

Não ser criança

Ver que a fantasia... já se foi

Marco Llobus


postado por 12542 as 03:11:46 #
0 Comentários

Comente este post!   |    <<< Voltar para Início

 
Perfil
12542
Meu Perfil



Links
Blog Grátis

Palavras-Chave
poesia
Belo
Horizonte

Favoritos
Suite das Letras
O Máximo pra ser Feliz
Blog do Carlos César
mais...

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
Muito celular é igual a tumor
Experimente
Os Nomes
Loucura segundo o poeta
Os Andarilhos da Luz
Olhando a Janela Lateral
e-mails circulam mais que vírus
Uma central de áudio e vídeo no seu PC
O Oiro de Minas
Horas Douradas

Arquivos
01 abril, 2014
01 maio, 2013
01 dezembro, 2010
01 novembro, 2010
01 setembro, 2010
01 agosto, 2010
01 julho, 2010
01 junho, 2010
01 maio, 2010
01 abril, 2010
01 março, 2010
01 fevereiro, 2010
01 janeiro, 2010
01 dezembro, 2009
01 novembro, 2009
01 outubro, 2009
01 setembro, 2009
01 agosto, 2009
01 julho, 2009
01 junho, 2009
01 maio, 2009
01 abril, 2009
01 março, 2009
01 fevereiro, 2009
01 janeiro, 2009
01 dezembro, 2008
01 novembro, 2008
01 outubro, 2008
01 setembro, 2008
01 agosto, 2008
01 julho, 2008
01 junho, 2008
01 maio, 2008
01 abril, 2008
01 março, 2008
01 fevereiro, 2008
01 janeiro, 2008
01 dezembro, 2007
01 novembro, 2007
01 outubro, 2007
01 setembro, 2007
01 agosto, 2007
01 julho, 2007
01 junho, 2007
01 maio, 2007
01 abril, 2007
01 fevereiro, 2007
01 janeiro, 2007
01 dezembro, 2006
01 novembro, 2006
01 outubro, 2006
01 setembro, 2006
01 agosto, 2006
01 julho, 2006
01 junho, 2006
01 maio, 2006
01 abril, 2006
01 março, 2006
01 fevereiro, 2006
01 janeiro, 2006
01 dezembro, 2005
01 novembro, 2005

154409 acessos
CRIAR BLOG GRATIS   
..