Universo Interior
Universo Interior
domingo, 02 dezembro, 2007
Saida Noturna


Ela saiu na cidade à noite, enquanto todos dormiam.

Era aparentemente normal, até enquanto havia sol.

Mas à noite, ela saia e ninguém via.

Saia com a mesma capa, as mesmas botas.

Atravessava o frio cortante de janeiro, atravessava a neve.

Com a mesma perseverança de sempre...

Quando chegava ante aquele portão, se perguntava porque tinha que fazer isso todas as noites.

As mãos ágeis num movimento quase mecânico pegou a chave no bolso do casaco, onde ela levava um terço.

Nunca a perguntaram se era católica, mas ela tinha fé que as coisas iriam mudar.

Porque aquela noite era diferente.

Aquela era a última noite, e não importa o que seria dito.

Entrou na grande sala, e pendurou o casaco. Entrara na hora certa, pois o frio aumentou e a neve começou a cair.

Mas o frio não passava, pois ele estava dentro dela.

A menina sentiu nas pernas o peso daquela responsabilidade e pensou em voltar a traz, voltar para casa. Mas no fundo sabia que o melhor refúgio naquele momento era ela mesma.

E assim olhou bem fundo nos olhos dele e disse.

-It´s Over.

 

Jessica Almeida

postado por 34884 as 11:31:16 #
0 Comentários

Comente este post!   |    <<< Voltar para Início

 
Perfil
34884
Meu Perfil

Links
Blog Grátis
Hoteis

Palavras-Chave
noturna

Favoritos
Universo Interior
ॐ barulhinho bom... ॐ
mais...

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
Escrever é mais paixão...
Desbussolada
Patricinhas. A dura arte de ser ninguém.
Reflexos
Inútil, a gente somos?
Onde?
A bailarina que não sabia escalar.
CEGONHA NO MORE
A nossa maior força é a que vem de dentro.
Vamos falar de sol

Arquivos
2008, 01 janeiro
2007, 01 dezembro
2007, 01 novembro
2007, 01 outubro
2007, 01 setembro
2007, 01 agosto
2007, 01 julho
2007, 01 junho
2007, 01 maio
2007, 01 abril
2007, 01 março
2007, 01 fevereiro
2006, 01 novembro
2006, 01 outubro
2006, 01 setembro
2006, 01 agosto

5267 acessos
CRIAR BLOG GRATIS   
..