Como preencher um cheque corretamente

Primeiramente, você sabe qual o conceito de cheque? Pois bem, vamos lá! Os cheques são formas de pagamento à vista ou a prazo, usadas pelo comprador para quitar financeiramente algo em específico. 

Como preencher um cheque corretamente

Por exemplo, você pode utilizar o talão de cheques para efetuar o pagamento de uma compra feita em uma loja. 

Vale ressaltar que uma grande vantagem em utilizar o cheque é conseguir negociar diretamente com quem irá recebê-lo, ou seja, entrar em um consenso com a pessoa para decidir datas de pagamento.

Ao contrário do que acontece com os cartões de crédito, nos quais o usuário é submetido a datas específicas de pagamento.

Em vista de algumas dúvidas que a maioria das pessoas tem ao usufruir dessa forma de pagamento, irei durante este artigo trazer algumas informações importantes a respeito do assunto, e te ensinarei como preencher um cheque corretamente.

Tenha uma boa leitura!

Como funciona a utilização do cheque

Conforme mencionado antes, o cheque é uma forma de efetuar o pagamento à vista e a prazo. De maneira geral, através da folha do cheque devidamente preenchida e assinada o vendedor saber que irá receber a quantia indicada. 

Devido à facilidade existente, no Brasil a utilização do cheque tem um grande peso, funcionando como uma tradição para os brasileiros, que efetuam os seus pagamentos sem parcelas ou com a presença de taxas. 

Por isso, saber como preencher cheque é realmente muito importante. Afinal de contas, assim não há erros e a praticidade em pagar torna-se parte do seu dia a dia.

Você pode se interessar por: Conheça os motivos de devolução de cheques 

Tipos de cheque

Tipos de cheque

Para se ter uma ideia, existem seis tipos de cheques que, por sinal, são distinguidos devido à emissão, indicação ou não indicação de quem será beneficiado, chance em ser endossado e probabilidade de ser pago ou depositado. 

Quer saber quais são todos esses tipos antes de aprender a como preencher um cheque da maneira correta? Então veja logo a seguir. 

  • Cheque não à ordem: possui mais segurança ao emissor, por conta de ser emitido após a indicação do beneficiário, que por sinal é a única pessoa que poderá receber o valor;
  • Cheque ao portador: este é um tipo que não possui tanta segurança, pois não é destinado à uma pessoa em específico, permitindo que o pagamento seja efetuado por qualquer pessoa que esteja com ele em mãos;
  • Cheque nominativo: a opção é extremamente segura, pois conforme o nome diz, esse cheque é nominado diretamente a alguém em específico, permitindo que apenas essa pessoa faça as transações necessárias. Neste tipo de cheque, o banco exige a apresentação do RG do destinatário no momento do levantamento do dinheiro;
  • Cheque cruzado: na forma física, é possível notar a diferença desse tipo de cheque, pois possui cruzamento no canto da parte superior à esquerda e na sua diagonal há duas linhas paralelas. Neste, há dois subtipos: 
  • Cruzamento geral: dentro das linhas que se cruzam não há indicação, isso significa que deve ser, obrigatoriamente, depositado.
  • Cruzamento especial: dentro das linhas que se cruzam há a identificação de alguma agência bancária, isso significa que deve ser depositado apenas nela.
  • Cheque visado: o banco dá a garantia do pagamento e ele fica “retido” na conta bancária do emissor em até oito dias;
  • Cheque bancário: é o tipo de cheque que a própria agência bancária emite, no nome do titular da conta.

Em suma, você pode optar por algum desses tipos, fica sempre a sua escolha. O importante mesmo é saber como preencher o cheque e efetuar os seus pagamentos de forma simples.

Como preencher cheque de forma correta

Após falar sobre a funcionalidade dos cheques e os seus tipos, é extremamente importante saber como preencher o cheque de forma correta.

Sabe como fazer isso? Se ainda tem dúvidas, não se preocupe. Veja um passo a passo completo logo abaixo. 

  • Preencha o valor: na parte de cima, preencha (em números) o valor correspondente ao pagamento. Uma dica importante é colocar o símbolo de jogo da velha antes e após o valor, para que não tenha chances dele ser alterado por terceiros;
  • Preencha o valor por escrito: nessa etapa é necessário que você escreva por extenso o valor que colocou em forma numérica. Atenção ao escrever: a quantia descrita precisa ser exatamente igual à colocada em números;
  • Preencha o nome do destinatário: após a palavra “à”, escreva o nome completo da pessoa que receberá a quantia;
  • Preencha a cidade e a data: coloque a cidade de onde o cheque está sendo emitido, assim como o dia, o mês e o ano da emissão;
  • Assine o cheque: por fim, assine o cheque. Entretanto, ao fazer isso tome alguns cuidados, como escrever com letra legível e optar por uma assinatura por extenso.

Dicas a respeito dos cheques

  • Risque os espaços que sobrarem da escrita na folha do cheque, para que outras pessoas não consigam escrever além do que é para ter;
  • Antes de entregá-lo, sempre confira todos os dados;
  • Anote os cheques que emitir, para maior controle financeiro.

Esse tutorial de como preencher o cheque corretamente te ajudou? Qualquer dúvida e/ou necessidade de obter mais informações, deixe aqui nos comentários.