Cartão reforma: Como solicitar o seu?

Um programa criado pelo Governo Federal com o objetivo de fornecer um auxílio em dinheiro em forma de crédito, o Cartão Reforma é algo que realmente ajuda os brasileiros.

É claro que esse benefício é destinado apenas a pessoas de baixa renda, portanto não é qualquer um que pode solicitá-lo, por exemplo.

De qualquer forma, pode-se dizer que ele cumpre com a sua proposta acima de tudo. 

Para se ter uma ideia, esse programa vai oferecer em torno de 5 mil reais para a compra de materiais de construção para as famílias que precisam reformar suas casas, no entanto não possuem dinheiro suficiente para isso.

Vale ressaltar que essas reformas são por necessidade, e não apenas por estética.

Além disso, a compra dos materiais necessários deve ser feita em estabelecimentos que estejam cadastrados no Cartão Reforma do Governo Federal. 

Esse auxílio, por exemplo, pode até ajudar uma pessoa de baixa renda a terminar a sua casa própria e deixar de pagar aluguel, por isso é algo que realmente ajuda e muito.

Os primeiros cartões foram entregues no começo do ano de 2018 e, ao todo, está previsto que seja gasto algo em torno de R$ 500 milhões no programa. 

Quer saber mais sobre esse assunto e entender ao certo o que é o Cartão Reforma?

Então a boa notícia é que este artigo vai ser um guia completo sobre o tema e vai mostrar exatamente tudo o que é importante saber a respeito desse auxílio oferecido pelo governo. Tenha uma boa leitura.

Cartão Reforma do Governo Federal

Cartão Reforma

Conforme já explicado anteriormente, o Cartão Reforma é um benefício que foi idealizado e criado pelo Governo Federal com o intuito de auxiliar as famílias de baixa renda a conseguirem reformar as suas casas ou até mesmo terminar uma obra por meio da compra de materiais de construção a preços mais acessíveis. 

Somente famílias de baixa renda e que precisam reformar ou acabar de concluir uma reforma ou uma obra em andamento têm direito a receber esse benefício.

É importante mencionar que esse cartão não pressupõe nenhum tipo de financiamento, muito pelo contrário.

As pessoas que conseguirem participar do Cartão Reforma do Governo Federal não precisarão pagar nenhuma mensalidade como prestação, algo que faz muita diferença.

Outra questão importante é que o titular do cartão deve ficar responsável por fazer a compra dos materiais necessários para a reforma ou para a construção e, além disso, contratar uma mão de obra especializada e qualificada para fazer o serviço.

É claro que o valor destinado para cada família não é grande, por isso é importante prestar bastante atenção nessas escolhas para evitar gastos excessivos. 

Importância do Cartão Reforma Caixa

Com certeza você já deve saber que muitas vezes fazer uma boa reforma em uma casa é algo realmente necessário, não é mesmo?

É claro que isso não quer dizer que as pessoas não façam isso por estética ou por outros motivos quaisquer, no entanto às vezes a reforma é algo fundamental até mesmo para garantir a segurança da família que mora na casa. 

Em outras palavras, não se trata de algo supérfluo e sem necessidade.

Na verdade, muitas pessoas que não possuem uma renda suficiente para fazer uma reforma precisam lidar diariamente com problemas do tipo: goteiras, janelas quebradas, vazamentos e entupimentos, instalações sanitárias ou elétricas com defeito, entre muitas outras coisas. 

E isso acontece, na maioria das vezes, por conta do alto preço dos materiais de construção.

Mesmo aquelas marcas que não são tão conhecidas e que teoricamente possuem um preço mais acessível, o valor ainda é alto para pessoas de baixa renda, o que acaba tornando inviável que os ajustes necessários em uma determinada casa sejam feitos para evitar problemas maiores.

Levando tudo isso em consideração, é realmente possível perceber a importância que o programa Cartão Reforma possui.

Por mais que o valor não seja alto, ele ajuda de verdade essas pessoas que precisam mesmo fazer essa reforma ou acabar uma obra para parar de pagar aluguel, por exemplo. 

Mais uma vez é importante lembrar que esse programa não se trata de um financiamento e muito menos de um empréstimo.

Na verdade, é um dinheiro que é entregue às famílias de baixa renda para que elas possam comprar os materiais necessários para fazer uma reforma. Ou seja, não é preciso fazer o pagamento de nada depois. 

Cartão Reforma Caixa

Para deixar claro mesmo esse benefício, é importante destacar alguns pontos: 

  • O Cartão Reforma é um cartão destinado a famílias de baixa renda para que elas possam comprar materiais e contratar serviços de reforma;
  • Todos os materiais e serviços comprados com esse dinheiro precisam necessariamente serem destinados à reforma ou à construção;
  • Os serviços de mão de obra contratados são de responsabilidade da pessoa que recebeu o benefício;
  • A cidade precisa também fornecer assistência técnica para a execução da obra. 

Valor liberado 

Mas, afinal, qual é o valor liberado pelo Cartão Reforma do Governo Federal? Com certeza essa é uma das principais dúvidas de quem deseja saber mais sobre esse benefício, não é mesmo? Então finalmente chegou a hora de saber ao certo essa resposta.

Quem conseguir receber o Cartão Reforma terá um crédito que pode variar desde R$ 2 mil até R$ 9 mil. Dessa forma, pode-se dizer que o valor médio recebido por cada família beneficiada é de R$ 5 mil.

Os valores podem até parecer altos na teoria, mas não se esqueça de que construção é algo caro, certo? Portanto, realmente é necessário receber um valor um pouco mais alto para que seja possível fazer alguma coisa. 

De qualquer forma, os valores, na verdade, dependem diretamente da necessidade de reforma em um determinado imóvel.

Como já foi mencionado antes, em muitos casos a falta de uma reforma pode comprometer a segurança das pessoas que moram na casa, por isso é algo muito importante. 

O melhor de tudo é que a família não precisará devolver esse dinheiro de nenhuma forma, afinal de contas não é um empréstimo e nem um financiamento, é uma transferência gratuita de recursos custeada pelo Governo Federal.

Dessa forma, nenhuma família precisará entrar em dívidas posteriormente para fazer os pagamentos. 

No entanto, para que um imóvel seja aprovado nas regras do programa e receba o valor adequado às suas necessidades, ele precisa atender aos seguintes requisitos:

  • Ampliação e reforma do imóvel quando morarem mais de três integrantes da família por dormitório. Nesse caso, o valor disponibilizado é em torno de R$ 8 mil;
  • Construção de banheiro quando a casa não tiver um sanitário para uso exclusivo da família. Nesse caso, o valor disponibilizado é em torno de R$ 5 mil;
  • Construção de laje ou instalação de telhado quando o imóvel possuir uma cobertura inadequada. Nesse caso, o valor disponibilizado é em torno de R$ 4,5 mil;
  • Tratamento de esgoto por não ter uma solução adequada de saneamento básico. Nesse caso, o valor disponibilizado é em torno de R$ 1,5 mil;
  • Construção ou reforma de alvenaria externa ou interna, revestimentos internos ou externos, forro de PVC, pintura, instalações elétricas ou hidrossanitárias, cobertura ou pisas e esquadrias. Nesse caso, o valor disponibilizado é em torno de R$ 7 mil. 

Cartão Reforma inscrição

Para fazer a inscrição no programa Cartão Reforma do Governo Federal é necessário que a família possua uma renda de até três salários mínimos atuais e que realmente precise de algum tipo das reformas citadas acima.

Vale ressaltar que o programa não aceita residências construídas em locais de risco ou que sejam alugadas, apenas casas próprias podem fazer parte do Cartão Reforma. 

Além disso, outro requisito importante para a inscrição é que o responsável, ou seja, o titular do cartão precisa ter mais de 18 anos e ter apenas um imóvel residencial no município participante do programa e, além disso, o mesmo precisa ser aprovado pelo Ministério das Cidades.

Outra questão é que o solicitante do benefício precisa obrigatoriamente morar no imóvel que será reformado. 

Como conseguir o Cartão Reforma

Para conseguir ter acesso ao Cartão Reforma, as famílias precisam fazer um cadastro no órgão responsável pela habitação em suas respectivas cidades.

Feito isso, será preciso ter em mãos os seguintes documentos: RG ou CNH, CPF, Número de Identificação Social (NIS), comprovante de estado civil, conta de energia do imóvel que será reformado, comprovante de cadastro no CadÚnico – se existir -, escritura pública de emancipação – quando menor de 18 anos – e comprovante de renda. 

Vale ressaltar que tanto o cadastro quando a inscrição do programa devem ser feitas pela internet.

Para isso, basta acessar esse site , selecionar a opção “manual para cadastramento de interessados”, ler o documento completo e seguir com atenção todos os passos para a realização do cadastro. 

Conclusão

Será que você ou sua família tem direito a receber o Cartão Reforma do Governo Federal? Caso ainda não saiba ao certo, procure o órgão responsável pela habitação na sua cidade e confirme essa questão antes de qualquer coisa.

Se tiver mais alguma dúvida sobre esse assunto tão importante, é só deixar aqui nos comentários para que possamos te responder assim que for possível.