Dr. Valdinar Monteiro de Souza
Dr. Valdinar Monteiro de Souza
quarta, 22 janeiro, 2014
Caminhadas no aeroporto

Não me foi permitido pela vida seguir a formação regular e tradicional do ensino fundamental nem do ensino médio, então denominados primeiro grau e segundo grau, respectivamente. Estudei na escola – com, horário fixo, professor e colegas, como normalmente se estuda – apenas um ano, 1976, quando já contava 16 anos de idade. Quando voltei à escola, anos depois – 1994, para ser exato –, foi para cursar o segundo ano do meu segundo curso de ensino médio. E, novamente, em 1996, para cursar Direito, na Universidade Federal do Pará.

Fui um menino um pouco diferente, talvez por causa da pobreza e timidez. Quando criança e adolescente, não jogava bola e detestava na mais profunda significação da palavra a aula de Educação Física do único ano em que frequentei a escola. Sempre levei vida reclusa, em casa, em meio aos livros. Na juventude e na idade adulta, não foi muito diferente: quando não estava trabalhando nem bebendo, estava em casa, lendo, estudando. Como também não ia à academia, vivi sedentariamente muitos anos.

Em 2005, resolvi frequentar academia. Fiz academia durante alguns meses. Depois parei, embora pensando em voltar, o que fui adiando, por motivos diversos. Tanto adiei que não pude voltar. Em 2008, adoeci do coração e o médico, expressa e terminantemente, proibiu-me de fazer atividade física. Proibição taxativa e sine die, por tempo indeterminado: atividade física algum dia só se e quando a saúde permitisse fazê-lo.

Foi terrível, parecia mesmo o fim. Expressei minha angústia na crônica O Cardiopata, publicada nos jornais marabaenses Correio do Tocantins e Opinião, e nos meus blogues, em 15 de setembro de 2008. Eu, contudo, sou disciplinado e não desisto fácil. Fiz o compromisso comigo mesmo de um dia, sem muito demora, voltar às atividades físicas. Caramba, chega-me a arrepiar quando me lembro do meu estado e da minha determinação! A despeito da minha determinação, tudo parecia um sonho, muito remoto e sem sentido. Às vezes (muitas vezes, por sinal), eu desacreditava.

Agora, porém, não é mais assim. A realidade já não é tão sombria. Tudo muda, tudo passa. Nos exames mais recentes, o cardiologista me autorizou a fazer caminhadas, com a recomendação de que o faça moderadamente por enquanto e, caso sinta qualquer mal-estar, pare imediatamente, até que, sem pressa, eu faça uma cintilografia e tenhamos o resultado. Desnecessário dizer da minha alegria, claro. Exultei!

Já há duas semanas, caminho todos os dias, exceto aos domingos, no Aeroporto de Marabá “João Correa da Rocha”. Tenho caminhado mais de hora todos os dias. Vou a pé ao aeroporto, cerca de quinze minutos. Lá ando durante uma hora e depois volto para casa a pé. São oito voltas de sete minutos cada uma na quadra de frente do aeroporto. Desde ontem, 20 de janeiro de 2014, passei a dar dez voltas, uma hora e quinze minutos.  É muito bom estar lá todos os dias, caminhando juntamente com dezenas de pessoas de ambos os sexos e várias faixas etárias!


postado por Dr Valdinar Monteiro de Souza as 12:20:38 #
0 Comentários

Comente este post!   |    <<< Voltar para Início

 
Perfil
drvaldinar
Meu Perfil

Links
Blog Grátis

Palavras-Chave
caminhada
Marabá
sine
die

Favoritos
Não há favoritos.

adicionar aos meus favoritos


Colaboradores do Blog


Comunidades
Não há comunidades.

Posts Anteriores
Confraternização Universal
As Bodas de Turquesa de Câmelha e Valdinar
O Dia do Maçom e a Liberdade
Viagens e leituras ou releituras
Dia de sol
Correções desastradas
Despertar de uma linda manhã
Amenidades de um fim de noite
A maioridade penal
Embolar castanha

Arquivos
2015, 01 março
2014, 01 julho
2014, 01 abril
2014, 01 janeiro
2013, 01 dezembro
2013, 01 outubro
2013, 01 agosto
2013, 01 julho
2013, 01 junho
2013, 01 maio
2013, 01 abril
2013, 01 março
2013, 01 fevereiro
2013, 01 janeiro
2012, 01 dezembro
2012, 01 novembro
2012, 01 outubro
2012, 01 setembro
2012, 01 agosto
2012, 01 julho
2012, 01 junho
2012, 01 maio
2012, 01 abril
2012, 01 março
2012, 01 fevereiro
2012, 01 janeiro
2011, 01 dezembro
2011, 01 novembro
2011, 01 outubro
2011, 01 setembro
2011, 01 agosto
2011, 01 julho
2011, 01 junho
2011, 01 maio
2011, 01 abril
2011, 01 março
2011, 01 fevereiro
2011, 01 janeiro
2010, 01 dezembro
2010, 01 novembro
2010, 01 outubro
2010, 01 setembro
2010, 01 agosto
2010, 01 julho
2010, 01 junho
2010, 01 maio
2010, 01 abril
2010, 01 março
2010, 01 fevereiro
2010, 01 janeiro
2009, 01 dezembro
2009, 01 novembro
2009, 01 outubro
2009, 01 setembro
2009, 01 agosto
2009, 01 julho
2009, 01 junho
2009, 01 maio
2009, 01 abril
2008, 01 dezembro
2008, 01 novembro
2008, 01 outubro
2008, 01 setembro
2008, 01 agosto
2008, 01 julho
2008, 01 fevereiro
2008, 01 janeiro
2007, 01 dezembro
2007, 01 novembro
2007, 01 agosto
2007, 01 julho

19892 acessos
CRIAR BLOG GRATIS   
..